Pesquisa

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Bebendo Santo Daime, Ayahuasca, Vinho das Almas...

Lendo as palavras visíveis deste tópico viajamos em dimensões por momentos invisíveis a nossa visão inquieta. As palavras estão inundadas de luz, paz ,amor se pode escutar a entoação dos sons ver as cores do lindo arco-íris, mergulhar profundamente nas reflexões e relembrar de vivências reveladoras recebida direto da Fonte através da aproximação com a nossa amada Mãe Terra.A Vivencia nos é familiar muitos de nós já passamos ou estamos passando por ela.Muitos de nossos irmãos passam por ela por outros caminhos, todos eles nos levam a nossa verdadeira essência a Deus em mim a Deus em ti a Deus em nós.Está vivência é para todos que já comungaram com a Madre Ayahusca, Santo Daime, Vinho das Almas... ou que estão comungando e para os que comungaram cada um no seu momento e todo o momento está certo e é perfeito para cada coração!Não poderia deixar de postar a vivência é linda de mais...Gracias,gracias,gracias pelo presente aqui e agora Madre Ayashuca











Maria Elisete Shalom...




Recentemente, eu tive a oportunidade de conhecer os poderes do chá enteogênico Santo Daime. Me vejo na honra de repassar essa informação, esse conhecimento, essa mensagem de cura, de auto-conhecimento para todos aqueles que se interessam pela busca do Entendimento. O Santo Daime, é feito da mistura de duas plantas encontradas na floresta Amazônica, um cipó (Rei) e uma folha (Rainha). Também conhecido como Ayahuasca (vinho dos Mortos), a bebida foi utilizada por muitas civilizações avançadíssimas durante nossa história, e sempre foi sinônimo de cura, de encontro cósmico e unificação com a Totalidade. Um copo de chá foi o necessário para abrir minha percepção, e aumentar os sentidos. Descobri que nossos olhos físicos podem ver muito pouco, com o Daime, parece que a visão torna-se mais clara, o 3º olho começa a funcionar, e partes do cérebro que nunca foram ligadas, começam a trabalhar a todo vapor. Cada um tem uma experiência diferente tomando o Chá, porém, todos se encontram com o seu próprio Eu. Aprendemos a domar nossos pensamentos, afastando agouros, e encontrando soluções para nossos problemas. Encontrei meus medos, minhas vergonhas, e meus desejos expostos na minha frente. E encontrando com eles, aprendi a lidar com eles, e sei que a cada dia poderei me libertar mais e mais de cada um deles... Vi milhões de cores e formas, com os olhos abertos: os 3 olhos bem abertos viam tudo que a Verdadeira Realidade podia me mostrar naquele momento. A força que emana de todas as coisas deste mundo. Vi milhares de sistemas fractais, perfeitamente combinados...

Lindas são as cores, as fractais e os desenhos tridimensionais que agora eu podia ver, mas o melhor eram as Auras de cada um, poder ver/sentir o que os outros sentem e precisam, e intuir junto com todos que estavam ao meu redor. Meu espírito se desligou do meu corpo, do meu Ego e dos meus apegos físicos. Disseram-me que eu ia encontrar a "Pequena Morte", e realmente, meu ego, meus traumas e meus apegos físicos morreram. Enquanto a bondade, o amor e a paz triunfaram dentro do meu ser. É inexplicável a sensação de tranquilidade e de compaixão que acontece. O Universo inteiro entra em sintonia, saímos da órbita agitada do planeta Terra e vamos longe, vamos além, descobrindo vida inteligente, superior, bondosa e amorosa, que tanto quer nos ajudar.

"A Terra, é o gueto do Universo, mas tudo que há de belo está aqui..." ♪
O mais interessante, é a aura de paz plena que se forma em volta do ambiente da Igreja que visitei. Não há barreira de religião, não há preconceito, e não há infelicidade naquele lugar. Todas as pessoas se interessam pela bondade, e trabalham unificadamente para ajudar e curar o próximo, isso é um sintoma muito interessante que se nota, a bondade que ganhamos, a compaixão que nos é dada! Aprendi a perdoar, e ganhei mais vontade de ajudar o mundo em que vivo. Enfim, ganhei muito Conhecimento! A experiência é única, e me ensinou a amar tudo, sobre todas as coisas, perdoar, ajudar, se humilhar, se entregar para o bem do próximo, para a alegria alheia. Aprendi tanta coisa em tão pouco tempo... Aprendi que o Céu, o Paraíso, o Divino, o Celestial e o Universal estão dentro de nossas mentes. O chá é somente a chave para esses lugares. E assim como muitas civilizações passadas se comunicaram com seres extra-terrenos com o uso de enteogenia, eu não pude deixar de fazer o mesmo. Como eu disse, cada um recebe uma coisa diferente, pode ser uma visão, uma instrução, um contato, uma cura... O poder é infinito, e é sempre para o BEM maior. Eu pessoalmente, recomendo o Santo Daime, a todas aquelas pessoas que procuram por Deus, procuram o Entendimento, procuram descobrir o que há entre as 11 dimensões. Você achará todos seus níveis de bondade, todos seus níveis de compreensão. Eu sempre acreditei na vida "além-tumulo", e sempre fui curiosa com a morte. Sempre me questionei a relação entre o corpo e o espírito, e como seria minha vida depois que morresse. Nunca tive medo de visitar outros mundos, pois sei que não vim originalmente daqui. O Chá foi mais um passo do meu espírito rumo á pureza, rumo á onisciência. Essa foi só uma das minhas primeiras experiências com a Natureza. Espero que um dia você também receba esse grande presente que a Divindade oferece!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

MÃE DIVINA





Minha mãe minha rainha
Foi ela que me entregou
Para mim ser jardineiro
No jardim de belas flores
No jardim de belas flores
Tem tudo que procurar
Tem primor e tem beleza
Tem tudo que Deus me dá
Todo mundo recebe
As flores que vêm de lá
Mas ninguém presta atenção
Ninguém sabe aproveitar
Para zelar este jardim
Precisa muita atenção
Que as flores são muito fina(s)
E não podem cair no chão
O jardim de belas flores
Precisa sempre aguar
Com as prece(s) e os carinhos
Ao nosso pai universal

- Mestre Irineu-






OM - BHUR BHUVA SWAH
TAT SAVITUR VARENAYAM
BHARGO DEVASYA DHIMAHI
DHIYO YO NAH PRACHODAYAT

Em um mundo melhor,
a lei natural é a do amor.
Em uma pessoa melhor,
sua natureza também é amorosa.
O amor é o princípio
que cria e sustenta as relações humanas,
O amor espiritual leva ao silêncio,
e esse silêncio tem o poder de unir,
orientar e liberar as pessoas.
E mais, quando o seu amor é aliado à fé,
cria uma forte estrutura para a iniciativa e a ação.
Lembre-se: o amor é um catalisador para mudanças,
desenvolvimento e conquistas.

Por Brahma Kumaris






Encontre mais músicas como esta em Portal Arco Íris-Núcleo de Integração e Cura Cósmica