Pesquisa

sexta-feira, 23 de julho de 2010

PRÓXIMO CICLO DE LUA CHEIA






INTRODUÇÃO

TRANSCENDENDO O CONTÍNUO TEMPO-ESPAÇO


Como nosso corpo planetário tem mudado em uma vibração de freqüência mais elevada, nós também temos aumentado a velocidade em nossos quocientes de giro molecular. Com tantos de nós agora acelerando como uma harmônica unificada, estamos nos projetando para os campos multidimensionais. Estamos percebendo mais facilmente e experimentando conscientemente realidades paralelas, dimensões irmãs e fusionando linhas de tempo que é essencial para nosso trabalho de serviço planetário.

Com a habilidade de viajar por fora da estrutura do tempo-espaço, podemos nos associar com Gaia e com as mudanças da Terra em curso com uma familiaridade mais profunda para as maiores alterações dimensionais, que estão ocorrendo dentro de todo o revestimento do campo holográfico e antes que alguns destes acontecimentos atualmente ocorram. (Isto se assemelha ao que um curador faz ao focar-se primeiro sobre o corpo energético externo ou etérico de uma pessoa que logo transforma a forma física mais densa).

Trabalhar fora do contínuo linear formado é o fator de influência maior para transformar a consciência de massa, profecia e outros potenciais não desejados em aumento que carregam qualidades destrutivas. Reduzimos o tempo ao experimentar nossa realidade mais perfeita em cada momento. Cada momento no qual reduzimos o tempo, a realidade linear e a mais polarizada ao nosso redor, é alterada. Esta é a razão pela qual é essencial visualizar de forma contínua e irradiar os padrões de perfeição para nós, para cada pessoa, lugar e situação.

Imaginem a realidade atual densa da terra podendo se dissolver sem esforço e a nova realidade simultaneamente podendo emergir, quando milhares de nós operam deste modo. Com nosso enfoque e nossa vida constantemente vivendo a visão da Nova Terra, estamos constantemente reduzindo o tempo ao experimentar as realidades futuras neste ETERNO AGORA.



Fundación Hijos Del Sol

Tradução de Verônica D’amore

terça-feira, 13 de julho de 2010



"São os olhos a lâmpada do corpo. Se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso;
se, porém, os teus olhos forem maus, todo o teu corpo estará em trevas. Portanto, caso a luz que em ti há sejam trevas, que grandes trevas serão!" (Mateus 6:22-23)

O que seus olhos andam vendo?



Cristo quando disse essas palavras queria dizer que muito da nossa forma de ver a vida, analisar as pessoas, de ver a nós mesmos, são derivados do que vemos, absorvemos.


OLHOS


No livro Os fundamentos do Budismo, de Elena Roerich, representante oficial da Ordem Rosacruz no Tibete, encontramos que: ”Carma é a ação de conseqüências do que é feito pelo homem em atos, pensamento e palavra...



Daí, a responsabilidade do homem diante de tudo que existe e, sobretudo, diante de si mesmo...” ”O que chamo de carma não é mais que pensamento, pois, tendo pensado, o homem agiu com seu corpo, sua palavra e sua mente”.


Você, que aceita essa verdade, discipline-se e queira ser feliz.



Reconheça, em si mesmo, que seu comportamento pode ser melhorado e que alguns hábitos negativos de sua personalidade devem ser mudados.


Se sua visão enfraqueceu e você já não consegue ler ou enxergar como antes, ou mesmo se você trouxe essa deficiência desde o nascimento, está na hora de refletir sobre seus pensamentos e atitudes passados.



Consulte o ”arquivo” das emoções e procure aquele sentimento de recusa e inflexibilidade em acreditar que tudo pode mudar.


Provavelmente, algum fato, ou a própria vida o feriu, fazendo com que você prefira não ver tal ou tais coisas ou pessoas que o fizeram sofrer.


Você diz que já esqueceu o problema e que até já perdoou. Entretanto, seu inconsciente não mente e você pode estar sendo Vítima de sua consciência orgulhosa. Há muitas maneiras de ”negarmos” a visão:


— quando estamos em estado de depressão constante;


— quando um fato desagradável em família nos ”cega” de raiva ou ressentimento;


— quando passamos certos momentos, em nossa vida, que não nos agradam, ou teimamos em não ver o outro lado das questões;


— ou, mesmo, quando não queremos mais cruzar com a pessoa ou situação que nos atormentam, etc.


Para exemplificar, vou contar um fato.


Certa ocasião, conversando com uma mulher que havia perdido a visão repentinamente ouvi dela que ficara cega do olho esquerdo por causa do rompimento do nervo óptico — segundo diagnóstico dos médicos. Perguntei-lhe há quanto tempo o fato havia acontecido.



”Há cinco anos”, respondeu-me. Passei, então, a fazer-lhe novas perguntas para que eu, através de suas próprias respostas, pudesse auxiliá-la em sua reabilitação.


Perguntei-lhe se guardava mágoa de alguém ou não queria ver algum homem que lhe fizera tanto mal. Ceticamente respondeu-me que não tinha problemas com homem algum. Resolvi ir mais fundo e direto na questão: perguntei-lhe qual o fato marcante que lhe ocorrera há cinco anos... envolvendo algum homem.


A essa pergunta sua reação foi imediata: deixou vir à tona suas emoções escondidas. Era o que eu buscava. Ressentida, revelou-me que naquela época seu pai havia falecido e que isso fez com que ela sofresse muito.



As cenas descritas e a seqüência de detalhes sobre a morte de seu pai mostraram-me que carregava em seu coração o trauma de sua perda. Disse-lhe, então, que enquanto ela não perdoasse o pai por tê-la deixado e não passasse a aceitar os acontecimentos da vida com compreensão e gratidão, sua vista não voltaria ao normal.


Se o cérebro dessa mulher estiver com o hemisfério cerebral esquerdo mais desenvolvido — cética, analítica, fechada, repetitiva, etc. — com certeza terá de esperar muito tempo até que outras pessoas lhe digam o mesmo, fazendo-a entender o quanto é importante o autoconhecimento para a solução de muitos problemas.



Mas, se seu hemisfério cerebral direito for o mais desenvolvido — amplo, receptivo, aberto, intuitivo, emocional, meditativo, etc. —ela, pelo menos, pensará no assunto e encontrará uma forma de ”conversar” com seu próprio coração e descobrir porque ainda sofre inconscientemente.
É muito fácil para a mente restaurar um nervo óptico!



Difícil é mandar uma mensagem simples e direta para que ela trabalhe objetivamente, pois a mente consciente desconhece que a comunicação com a mente subconsciente deve ser clara e simples.


Todo e qualquer esforço no sentido de exteriorizar a força interior através de rituais, alegorias, frases longas, orações, etc., esbarra na dificuldade da realização total, ou seja, quanto mais complicamos a mensagem que deve ser dirigida à mente subconsciente, menos ela assimilará o objetivo que você deseja.


Ela responde com maior rapidez às frases simples, curtas, objetivas, firmes (positivas) e coerentes com as emoções.


Interiorize-se, concentre-se e mande à sua mente desejos e emoções com absoluta convicção, caso contrário ela preferirá manter como resposta o pedido anterior, ou seja, os sentimentos convictos que você mais freqüentemente manifestou, mesmo que tenham sido negativos.



Para sua mente inconsciente, basta pensar com emoção e crença para que ela se manifeste psicossomaticamente ou através do ambiente em que vivemos.


Portanto, se algo em nossa vida causou-nos sensações fortes de tristeza, medo, ódio, desgosto, etc., o corpo servirá como porta-voz da nossa mente, para nos mostrar que estamos saturando nosso coração, guardando tantos ”lixinhos” do passado ou medos do futuro.






DESEJE VER




Sua mente está fazendo tudo para o seu bem. Ela não distingue o bem e o mal que a consciência conhece. Portanto, ajude o seu inconsciente a compreender o que você quer. Para ela basta ser coerente com o pensamento-emoção e lá estará, trabalhando imediatamente como o ”gênio da lâmpada”, realizando todos os seus desejos.




Queira ver! Deseje ver! Faça amizade com seu ego e elimine a vaidade extrema, o orgulho, o medo, que ”proíbem” o ser humano de ver o que tem de ser visto.




Pare de se incomodar com as coisas feias da vida. Pare de comentar a parte feia do mundo, o que há de errado na política, na família e com os amigos e colegas.



Observe o mundo, veja como ele sobrevive pelas coisas boas e aprenda a conviver com as más, usando-as como experiência e ferramenta para cavar mais fundo a jazida das coisas boas do seu coração.


Não é criticando o lado ruim das pessoas que você fará com que elas mudem. Pelo contrário: é elogiando suas boas intenções e seus pequenos atos corretos que as fará melhorar. Todo ser humano deseja ser elogiado e tende a não aceitar críticas, proibições e não melhora, às vezes, por simples orgulho ferido.


Procure ver além das aparências.



Queira ver o bem que existe em tudo e você sentirá que seu mundo está protegido pelos bons pensamentos que você mesmo emanou no passado.



Tudo aquilo que pensamos torna-se realidade, mais cedo ou mais tarde.



Então pense somente em coisas boas; fale somente palavras de amor; saiba repreender com carinho, veja as razões das outras pessoas e não seja tão ”pequeno” a ponto de achar que ver o outro lado da questão seja perder tempo. Todas as pessoas têm sua verdade, que deve ser respeitada.


Perdoe, seja forte e paciente, porque jamais paramos de aprender. Tudo que, aparentemente, parece ser uma ameaça, no fundo está nos propiciando uma nova forma de lidar com nossas próprias emoções.



É a vida nos dando oportunidade de crescer.


Se seu padrão de pensamentos é único e restrito e você acha que a verdade é somente a sua, reflita e seja sincero consigo mesmo. Procure, pela humildade, ver tudo ao seu redor com o coração de criança.






As mudanças da vida são necessárias para o nosso desenvolvimento interior.



Portanto, queira ver tudo para crescer e ser totalmente feliz.



MIOPIA


Existem vários tipos de miopia, mas, como exemplo geral, citarei apenas um.


Muitas pessoas que sofrem de algum problema de visão só percebem que são portadoras dessa anomalia depois de passarem por situações desagradáveis: como a moça que flerta com o rapaz a certa distância e descobre, depois, que se trata do próprio noivo; ou o homem que vê um poste mais à frente e só nota o engano depois da cabeçada.
A miopia é um defeito de refração de luz.



O olho focaliza melhor as imagens mais próximas, porque o eixo do globo é muito longo. Além de uma certa distância, não consegue distinguir as imagens com a mesma nitidez, porque a capacidade de acomodação do cristalino é limitada.



O míope, quando quer enxergar algo mais afastado, procura forçar o músculo ciliar, na tentativa de reduzir o tamanho do eixo. Esse tipo de miopia chama-se axial e decorre da diferença de tamanho do eixo.


Depois disto a análise psicológica é óbvia e você já deve ter percebido que pessoas míopes não conseguem aceitar fatos e determinados acontecimentos que saiam fora do alcance de sua crença. Normalmente enxergam ”curto” quanto a determinados xíroblemas e nunca reconhecem que são radicais em suas posições.


Discutir um assunto com elas requer tato e muita paciência, ou então aceite suas opiniões ainda que discordando delas.


Os míopes, por não se deixarem envolver por idéias adversas, concentram-se no que sabem fazer e, naturalmente, entendem muito bem do assunto a que se dedicam.


Se você tem problema de miopia, comece a reparar em seu comportamento perante um grupo de amigos e analise, sinceramente, suas atitudes e opiniões.



O fato de parecer que estejam contra você não significa estarem errados. Podem estar tentando fazê-lo ver aquilo que você não está vendo. Tente ser mais flexível de coração, mesmo que pareça um absurdo.



Deixe que o tempo lhe mostrará o quanto você pode aprender com a vida e com a experiência de outras pessoas, desde, é claro, que você relaxe e aceite os acontecimentos novos. Queira ver a vida em toda a sua extensão e saiba que a revolta só prejudica sua saúde e... não altera o mundo.



Ame-se e viva todas as imagens que lhe forem oferecidas com carinho e sinceridade!


Volte a ”enxergar”, vale a pena aprender com tudo e com todos, pois quando estivermos despidos do orgulho nossa paz espiritual resolvera todos os problemas e, corn, certeza, descobriremos novos e grandes amigos.


Desvie de seu caminho as incertezas, os medos e qualquer tipo de sentimento que o afastem de seu objetivo, pois sua visão saudável depende de suas convicções e determinação para com o futuro.



Seja flexível em qualquer situação que o obrigue a tomar decisões. Perceba e acautele-se contra seus pensamentos imediatistas e egocêntricos.


A miopia manifesta-se em pessoas egocêntricas que não se importam com os outros ou não aceitam facilmente, opiniões alheias.



Na verdade são pessoas que possuem uma visão muito estreita do mundo e enxergam somente seus próprios problemas particulares e vêem apenas os aspectos imperfeitos das pessoas e coisas. Miopia é vista curta.



Torne-se uma pessoa mais prestativa, tanto dentro de seu lar quanto fora dele.



Cuide dos seus afazeres, mas pense também em ser útil aos demais que precisarem de sua ajuda.



O importante é aumentar o seu campo de ”visão” da vida, começando a enxergar os problemas de pessoas que sempre estiveram ao seu lado mas que você nunca percebeu.



Solte-se para a vida e veja como você pode crescer ainda mais e abandonar, definitivamente, os óculos sem precisar de cirurgia.





HIPERMETROPIA




Quando o eixo do globo ocular é muito curto, isto é, quando o globo está achatado no sentido ântero-posterior, a captação de imagens próximas é prejudicada. Por isso os hipermétropes não conseguem focalizar objetos muito próximos: isso exigiria um grau de curvatura impossível para o olho com eixo curto.


Pessoas com este tipo de problema têm medo do presente. Poucos percebem este fato porque o presente lhes passa despercebido. Na verdade vivem das sensações do passado, preocupando-se com o futuro.



O indivíduo que não toma decisões rápidas, está sempre vivendo o futuro e não se dá o direito de aproveitar o presente torna-se hipermétrope como reflexo de seu modo de pensar.
Queira ver tudo claramente e sinta com segurança todos os detalhes do seu agora. É insensato comer sem mastigar.



Você deve estimular em sua visão aquilo que representa, inconscientemente, o que está perto, ou seja, o presente. Sinta-se protegido pelas mãos da Natureza e confie em você mesmo, desejando libertar o passado que já se foi e o futuro que ainda está sendo formado com os ”tijolinhos” dos seus pensamentos e conduta. Exercite-se no sentido de caminhar observando tudo que está à sua volta, analisando cada situação com calma e sentindo prazer em acelerar seu ritmo de vida, para perceber a beleza do presente.
A hipermetropia é o reflexo da mente que só consegue ver longe, isto é, de quem vive se preocupando com fatos e coisas referentes aos outros e se descuida de si mesmo.
Descuidando-se de si mesmo a pessoa não percebe o que se passa ao seu redor e, como reflexo disso, pode ter uma anomalia Casual que consiste na dificuldade de ver objetos próximos.
Pessoas com esse problema têm tendência a se incomodar com assuntos alheios e com coisas que não lhe dizem respeito. Portanto, mude sua atitude mental para que possa restabelecer a visão das coisas que estão perto. Inteligentemente, busque o equilíbrio entre cuidar dos outros e cuidar de si próprio. Entendeu?

ASTIGMATISMO


A córnea normal é um segmento perfeito de esfera e comporta-se como uma lente sem defeitos, que desvia todos os raios de luz para um determinado ponto focai.



O astigmatismo é um defeito de visão decorrente da diferença do raio de curvatura entre dois ou mais meridianos.



Em lugar de um ponto focai, existem dois e, por isso, o indivíduo não consegue focalizar, simultaneamente, num mesmo plano, tudo o que vê.



Um astigmático que colhe, por exemplo, um sinal em forma de cruz não poderá focalizar ao mesmo tempo os braços horizontais e os verticais. Poderá fazê-lo só separadamente. Pessoas que possuem este tipo de problema costumam complicar tudo e não facilitam seus pensamentos.



Não conseguem agir sem antes ficarem deduzindo conseqüências dos fatos. Se alguém lhes apresenta uma solução para o problema, logo acharão que não dará certo antes mesmo de uma análise detida. Sempre acreditam que existe outro meio de solução, ou que não existe meio algum, e em sua mente o problema se torna complicado e cansativo.


Você que está com a visão astigmática, lembre-se de confiar mais nas pessoas que gostam de você. Se o problema for grande demais relaxe e peça ajuda sem questionar, pois outras pessoas que têm visão mais ampla da vida podem lhe mostrar que a coisa não é tão complicada assim.


Não sofra por aquilo que você acha ser difícil de resolver, mesmo porque é sua mente que o está deixando confuso.



Queira ver tudo calmamente e esqueça o orgulho. Sugestione-se que a vida é simples e gostosa de se viver e que o mundo é exatamente aquilo que acreditamos que seja!



Portanto, projete-o com harmonia e paciência. Ame-se em primeiro lugar e ”solte” do coração aquilo que o assusta.


O astigmatismo é provocado pela distorção mental de quem se irrita facilmente quando outras pessoas tentam controlar seu caminho ou dirigi-lo em seus pensamentos. Aceite com carinho as coisas que você vê e seja uma pessoa alegre e positiva com aqueles que o cercam. Isso o fará compreender com maior facilidade as intenções do mundo.


Será que você percebeu que é uma pessoa dividida?
Será que você ainda não se tocou que seu sofrimento aparece com mais força quando você precisa decidir entre duas coisas importantes?


Seja mais simples e determinado e pare de complicar!



ESTRABISMO


Muitas crianças nascem estrábicas e seus pais, obviamente, se preocupam em levá-las ao oculista para resolver o problema através de cirurgia ou de correção com lentes próprias.



Mas o fator principal que acarretou esse defeito nos nervos oculares da criança é a desarmonia entre seus pais.



Quando o casal diverge, rigidamente, de opinião, não admite erros do parceiro e vive uma vida de emoções extremas, causa um reflexo psicológico no subconsciente do filho que está para nascer.



Pensamentos cruzados dos pais provocam verdadeira declaração de guerra e isso acaba projetando o estrabismo na criança, como símbolo dos propósitos divergentes dos pais.


A própria criança traz consigo determinadas indecisões que a atormentam.







Normalmente, crianças estrábicas são seres muito sensíveis espiritualmente e tanto podem tornar-se pessoas com inteligência acima do padrão normal ou pessoas revoltadas e propensas a serem revolucionárias.


Muitas destas crianças nascem canhotas e percebem a vida de forma diferente das outras. Por isso os pais devem harmonizarse para que a criança possa canalizar todo seu potencial para um caminho saudável.



Toda dificuldade nos faz crescer e descobrir capacidades que possuímos e não percebemos. Até encontrarmos % porta certa que nos trará a paz, divergimos de nossas próprias emoções.



O que quero dizer é que a criança, no ventre da mãe, percebe inconscientemente os problemas que estão do lado de fora de seu mundo; sente uma certa impotência e revolta, que fazem com que ela ”não queira ver” o que está acontecendo.


O estrabismo tem sua explicação científica ou física, mas a raiz desse problema se forma antes do nascimento como psicossomatização dos conflitos de seus pais Você, que é estrábico, aprenda a ser um mediador dos fatos.



Use a sua mente analítica para compreender as opiniões dos outros e procure sensibilizar-se com os defeitos alheios, perdoando-os.


Volte-se para o mundo de seus pensamentos e observe, com calma, tudo que o aflige. Tenha calma para resolver questões, não se impressione com pessoas aparentemente dominantes.



Ninguém poderá nos prejudicar sem a nossa permissão.



Seja calmo e tranqüilo para solucionar as situações da sua vida.



Somente assim você conseguirá fazer com que seus olhos centralizem-se, pois seu problema é apenas o reflexo dos seus pensamentos contraditórios e atitudes perante a vida.


Os pais atraem o tipo de filho que mais combina com o ambiente em que vivem.



Espiritualmente as pessoas também sofrem o efeito da Lei Universal: ”Os semelhantes se atraem”, portanto, praticamente escolhemos nossos pais e nossos filhos. Isso o ajudará a compreender que você também trouxe a esse mundo um comportamento extremista que combina com o de seus pais e, conseqüentemente, vocês entram em estado de guerra, com facilidade.


Tenha suas próprias opiniões, mas com calma e determinação.


Quanto mais você se aceitar e dirigir sua vida, sem se deixar ferir com as opiniões dos outros, colocando atenção num objetivo ”seu”, mais rápido seus olhos voltarão ao normal. Acredite!



PRESBIOPIA E ARTERIOSCLEROSE
(ver também Eczema na cabeça)


A presbiopia é um defeito que ocorre com o passar do tempo.



É considerada um problema da velhice, pelo enfraquecimento dos olhos que já não conseguem distinguir o que está perto.



A dificuldade para ver, com nitidez, objetos próximos é a manifestação da mente aflita e preocupada com o que o futuro lhe reserva.



No caso de idosos esta dificuldade reflete a preocupação com os anos que lhes restam nesta existência e a dificuldade em viver plenamente o agora.



Eles vivem aflitos tal qual o viajante que, seguindo pela estrada ao entardecer, preocupa-se com o caminho que ainda terá de percorrer.



Se essas pessoas deixarem de temer o futuro e passarem a viver, plenamente, o agora, ficarão curadas da presbiopia.



A presbiopia é, também, reflexo da mente rígida, ou seja, mente teimosa e intransigente, incapaz de acolher as opiniões dos outros.



A mente “endurecida” produz o efeito do ”endurecimento”, a redução da elasticidade e a diminuição da capacidade de acomodação do cristalino.


Velhice é sinônimo de “mente endurecida”.



Portanto, não só a visão sofre com essa atitude mental, mas o corpo todo. A arteriosclerose também é um resultado dessa forma de pensar, pois é conseqüência do endurecimento das artérias que deveriam ser flexíveis.


Você que está sofrendo de presbiopia, lembre-se de viver o agora com mais intensidade e prazer e aprenda que a Natureza nos criou para sermos eternamente jovens. A mente humana, envolvida por acontecimentos desagradáveis, é que se deixa envelhecer, endurecendo seu coração.


Queira ver tudo ao seu redor e não tenha medo do futuro, pois ele será, sempre, o reflexo daquilo que acreditamos.



Pense positivo em todas as questões e sorria mais vezes para o mundo. com certeza você sentirá seu corpo rejuvenescendo e sua visão voltando ao normal.



Ponha em prática agora mesmo isto que você está aprendendo e não tente mudar a vida das outras pessoas. Mude seu comportamento que o efeito sobre as pessoas será bem maior: a felicidade é uma questão de opção.


O desejo, às vezes vaidoso, de usar óculos, para parecer intelectual ou mais importante, aciona qualquer defeito visual para que você tenha, realmente, motivos para usá-los!

DALTONISMO


É próprio de pessoas que têm a mente egoísta e cheia de caprichos.



É a mente que não consegue acolher com imparcialidade “todas as cores”, que não acolhe com imparcialidade todas as pessoas e todas as coisas.


O daltonismo representa a manifestação da mente rebelde que não aceita os conselhos dos mais velhos ou de autoridades e indica uma pessoa que se irrita por coisas fúteis e passa a implicar com os familiares, amigos, etc.


Procure harmonizar-se com tudo e com todos e seja uma pessoa dócil e bondosa com todos.



Isso fará desaparecer a rebeldia infundada de sua mente e o daltonismo desaparecerá totalmente.



Tudo que acontece com nosso corpo é manifestação de nossa conduta mental, portanto, trabalhe positivamente seus hábitos e pensamentos e você verá como são maravilhosas as verdadeiras cores da vida.



Apague esta ilusão negativa e passe a ser mais grato pela vida, sem se prender aos aspectos ruins que, com certeza, são passageiros. Tudo é passageiro! Relaxe!



OLHOS VERMELHOS


Significam ”irritação” com o que você está vendo ao seu redor e que você está convivendo com pessoas que o contrariam e que vivem com padrões de felicidade diferentes dos seus.



Você não é obrigado a conviver com aquilo que seu coração não deseja.



Aprenda a aceitar a solidão, pois o tempo é o nosso melhor amigo.



Tudo que acreditamos acaba se concretizando.



Então confie plenamente em seu futuro e saiba que a felicidade está sempre conosco.



Basta sensibilizar-se e amar tudo que está ao seu redor, sem revoltas.



Entre em sintonia com aquele com quem você convive e procure compreendê-lo.



Cada ser humano tem suas expectativas e suas crenças secretas.



Normalmente as pessoas não percebem que estão irritando alguém, isto porque, para elas, seu próprio comportamento é correto e normal.



Seja paciente com as diferenças e busque conhecer-se melhor, pois dentro de você existe uma fonte inesgotável de energia e paz que precisam ser exteriorizadas.



Seu cansaço justifica sua irritação secreta, mas não justifica que você continue se machucando.



Liberte-se, sem medo, de tudo aquilo que o magoa e aguarde, com alegria, a compensação que a Natureza lhe trará.







TUMEFACÃO E INCHAÇO NA REGIÃO ACIMA DOS OLHOS




Denota descontentamento ou revolta contra alguém que ocupa posição mais elevada.



A parte superior da cabeça — olhos, cabelos e crânio — simboliza os superiores, me-ue, em japonês.


Sentimento de revolta contra pessoas mais velhas: patrão, sogro, sogra, pais, marido, esposa, irmãos mais velhos, ou pessoas que ocupam posição mais elevada, provocam doenças que se manifestam na parte superior da cabeça.



Você já parou para pensar o quanto você ainda depende deles?



Ou o quanto você quer impor-lhes a sua verdade?



Ou o quanto você não aceita a verdade das outras pessoas?



Relaxe e desça da sua teimosia e vaidade, que os seus olhos serão lindos como os olhos de uma criança.



TUMEFAÇÃO E INCHAÇO AO REDOR DOS OLHOS


Se a pessoa apresentar aspecto sombrio e abatido, significa desordens emocionais devido a problemas de relacionamento com alguém, inclusive conjugal.



TUMEFAÇÃO E INCHAÇO NA EXTREMIDADE DO OLHO (RABO DO OLHO)


No homem, a extremidade esquerda representa a esposa e a extremidade direita representa a “outra”.



Pelos estudosi fisiognomônicos, qualquer problema nessa área simboliza desarmonia com a esposa, ou com a “outra”.



TERÇOL


Significa que você está com raiva de uma determinada situação.



Pode ser que você esteja fazendo algo que o contrarie e que pensava não mais precisar fazer.



Evite sentir raiva de alguém, pois as dimensões humanas são diferentes e é por isso que devemos ser mais compreensivos com as idéias opostas às nossas.



Se você não gosta do que está acontecendo, mude seu modo de pensar e compreenda as razões das outras pessoas.



Saiba que você tem seu livre-arbítrio e que ele é o responsável por todas as suas experiências no decorrer de sua vida.



Alegre-se por possuir o direito de mudar e escolher aquilo que o faz feliz.



CONJUNTIVITE


Significa que você está se frustando ou com a vida em geral, ou com um fato em particular.



Tente solucionar essas coisas com paz em seu coração e não com essa raiva embutida.



Lute pelos seus ideais de forma amistosa e paciente, acreditando que no tempo certo, você se realizará.


Pare de olhar o mundo com esse sentimento “amarrado”.









Compreenda que na vida só temos aquilo que acreditamos poder ter e manter.



Você tem liberdade para pensar e reformular sua vida, portanto, aproveite as situações “desagradáveis”, para perceber seus próprios erros e corrigi-los.





LINGUAGEM DO CORPO - CRISTINA CAIRO -
APRENDA A OUVI-LO PARA UMA VIDA SAUDÁVEL

....A visão interior evoca a contemplação e o silêncio, o fechar os olhos para poder enxergar outra Realidade.


O ser humano retém na memória cerca de 11% do que ouve, 3% do que cheira, 2% do que toca e 1 1% do que degusta, mas pode memorizar cerca de 83% do que vê.



Para a mística judaica e cristão, se o humano possui um par de olhos é para chegar à visão de Deus.



Os olhos são um instrumento da unificação de Deus e da pessoa humana, do Princípio e da manifestação.



A Visão interior, o terceiro olho, unifica o olhar dualístico voltado para o exterior e permite à pessoa olhar e ver com o coração.



Como na palavras da mística Teresa d'Ávila: ''Teu desejo seja de ver Deus; teu temor, de vir a aprê-lo; tua dor, de não o gozares, e teu gozo o que te pode levar a Ele, e viverás com grande paz.''



Com toda riqueza de expressões, o alimento energético enrtra pelos olhos e é mais essencial e sutil do que a comida sólida e líquida que entra pela boca ou ar, gasoso, pelas narinas.



Na Árvore das vidas, no lugar dos olhos, chega-se plenamente ao nível energético ( fogo e luz ), deixando para trás a progressão de sólido ao líquido ( boca ) e deste ao gasoso ( boca e narinas ).



No estágio do vir-a ser, de DEVENIR, os olhos são simbolos ígnes de atenção e intenção.



Eles correspondem ao coração- centro, evocado no estágio do Ser.



Simone Weil diz ( filósofa e escritora francesa, de origem judaica, evoluiu para um misticismo cristão, com tintas de hinduísmo e gnosticismo.) dizia:



'' Uma das verdades fundamentais do cristianismo, verdade por demais desconhecida, é esta: o que salva é o olhar''.



Mas em muitas circunstâncias, o melhor a fazer é fechar os dois olhos e buscar, nos sonhos, na voz oracular do ser , a visão que salva.



Feitas de água e sal, as lágrimas emanam da fonte dos olhos e estão associadas à imagem do pão, um alimento interior e místico, sem o qual não podemos crescer.



Os olhos são a grande porta de entrada para a matriz cerebral, nossa instância mais próxima da Emanação.







Em hebraico a palavra olho, ayin , é um homônio de fonte, manancial, como na expressão



'' O anjo do Senhor a encontrou perto de um olho d'água no deserto...'' (Gn 16,7).



Expressão que detona o órgão da percepção visual, mas também a Providência, como na expressão:



'' Os olhos do Senhor teu Deus estão sempre sobre ti''. (Dt 11, 12 )



Ao contrário da grande maioria dos animais, nossa visão é frontal, tridimensional e pode ser definida por um ''campo de visão''.



Esse campo é visual ( no sentido do seu alcance ) e mental ( na geração e decotificação das imagens tridimensionais).



Para a anatomia, o olho é um órgão par, situado um em cada órbita.



Ele é um globo constituído de três camadas ( esclerótica, coróide e retina ) e de meios de refração ( humores aquoso e vítreo, e cristalino ).



Em latim oc-ulus, designa o olho ou todo objeto com a forma de olho.



Na realidade, oculus não é verdadeiro nome do olho. Seu verdadeiro nome 0c-s, só encontra-see em palavras derivadas e sob a forma de sufixo: atr-oz , com o aspecto sombrio; fer-oz, com o aspecto agressivo; vel-oz, que desaparece ao olho; ou ainda, como no inglês eye, -oge, windown ( janela = olho do vento ------ buraco para introduzir o ar e a luz ).



Essas deformações da palavra olho não são fruto do acaso, mas estão ligadas à crença indo-européia, e praticamente universal, do mau-olhado ( malocchio, evil eye, bose blick, mal de ojo, olho gordo, olho de seca pimenteira, olho de matar pinto...).



A palavra olho não devia pronunciar-se mas , ao contrário, esconjurar-se, o que se obtinha deformando-a.







....A visão interior evoca a contemplação e o silêncio, o fechar os olhos para poder enxergar outra Realidade.



Como diz S. João da Cruz, '' A LUZ SOBRENATURAL DOS OLHOS DA ALMA, SEM A QUAL PERMANECEMOS EM TREVAS, É DEUS''.



Nossa visão interior de Deus é um provar da vida que vibra em nós e cujo destino vai além da maturidade do corpo.



Resgata um dimensão de iluminação infinita, cuja fonte luminosa brilha nas arcadas de nosso crânio...



Fonte Evaristo E. de Miranda - Corpo - Território do Sagrado



YOSHUA YAHWEH (hebraico): “O Nome Ungido de Yahweh”.

Esta expressão significa “Bendito seja Yoshua, o Libertador que vem no Nome do Divino”.



Esta é uma confissão do reconhecimento do Trabalho em Unidade da Redenção entre o Pai e o Filho, a Atribuição Messiânica.

Divino Filho Eterno, que és gerado do Pai como Yoshua Yahweh, que o Teu trabalho abençoado de Graça e Amor seja conhecido no reino da humanidade.



Que o Teu Nome seja exaltado conforme dizemos ao longo das eras:



Bendito seja Yoshua que vem no nome de Yahweh.

Amen.
- J.J.Hurtak -
Mês de Tamuz


Tamuz é um dos três meses negativos do ano: Tevet. Tamuz e Av. Em Tevet começou o assédio a Jerusalém, em Tamuz os muros de Jerusalém foram penetrados e em Av se aconteceu a destruição dos dois Templos Sagrados. A Cabala nos ensina que o curso da história se revela como resultado dos processos cíclicos de energia, não como resultado de eventos físicos. Por conseguinte, olhando cada momento no qual ocorre cada feito histórico, podemos entender melhor por que aconteceu.


Tamuz está controlado pela Lua. Há sete planetas que se baseia a Astrologia Cabalística: o Sol, a Lua, Mercúrio, Vênus, Júpiter, Saturno e Marte. Cada planeta controla dois signos, exceto o Sol que controla somente Leão (Av) e a Lua que controla somente Câncer (Tamuz).


Como o Sol e a Lua controlam um só signo, se cria uma situação desequilibrada em cada um destes meses. Este desequilíbrio causa ao caranguejo, o símbolo do mês de Tamuz, a caminhar de lado em vez de para frente e para trás. Isto também dá ao mês de Tamuz a abertura para o inicio do câncer. Este é o único signo que leva o nome de uma enfermidade.


No décimo sétimo dia de Tamuz, Moisés desceu do Monte Sinai com as Tábuas, trazendo ao mundo o poder e a energia da imortalidade. Entretanto, os Israelitas e a multidão mista, enquanto esperavam impacientemente que Moisés descesse do Monte Sinai construíram o Bezerro de Ouro; Moisés, ao vê-lo, quebrou as Tábuas. Este momento foi marcado por o choque de duas energias: o poder da imortalidade e o caos com sofrimento, depressão e morte.


O feito histórico de que os muros foram derrubados no décimo sétimo dia de Tamuz foi, simplesmente, uma manifestação da incompatibilidade entre o potencial da vasilha espiritual e a realidade do desejo de receber para si mesmo.



Se não fazemos o esforço de “amar ao nosso próximo a nós mesmos”, estamos, essencialmente, elegendo o Bezerro de Ouro e simplesmente, estamos causando que nossos próprios muros se derrubem e que se inicie a destruição em vários aspectos de nossas vidas.


O poder desse mês é eliminar qualquer problema ou situação em nossas vidas que possam causar que esta enfermidade apareça em nosso corpo.


Fonte: Kabbalah Centre

MÃE DIVINA





Minha mãe minha rainha
Foi ela que me entregou
Para mim ser jardineiro
No jardim de belas flores
No jardim de belas flores
Tem tudo que procurar
Tem primor e tem beleza
Tem tudo que Deus me dá
Todo mundo recebe
As flores que vêm de lá
Mas ninguém presta atenção
Ninguém sabe aproveitar
Para zelar este jardim
Precisa muita atenção
Que as flores são muito fina(s)
E não podem cair no chão
O jardim de belas flores
Precisa sempre aguar
Com as prece(s) e os carinhos
Ao nosso pai universal

- Mestre Irineu-






OM - BHUR BHUVA SWAH
TAT SAVITUR VARENAYAM
BHARGO DEVASYA DHIMAHI
DHIYO YO NAH PRACHODAYAT

Em um mundo melhor,
a lei natural é a do amor.
Em uma pessoa melhor,
sua natureza também é amorosa.
O amor é o princípio
que cria e sustenta as relações humanas,
O amor espiritual leva ao silêncio,
e esse silêncio tem o poder de unir,
orientar e liberar as pessoas.
E mais, quando o seu amor é aliado à fé,
cria uma forte estrutura para a iniciativa e a ação.
Lembre-se: o amor é um catalisador para mudanças,
desenvolvimento e conquistas.

Por Brahma Kumaris






Encontre mais músicas como esta em Portal Arco Íris-Núcleo de Integração e Cura Cósmica