Pesquisa

sábado, 25 de dezembro de 2010

“Venere Jesus seguindo seus ideais.

Pensamento para o Dia 25/12/2010

“Venere Jesus seguindo seus ideais.

Jesus indicou três fases.


A primeira delas é: “Eu sou o Mensageiro de Deus”.
Ele queria propagar a mensagem de Deus.


A segunda é: “Eu sou o Filho de Deus”.
O filho tem direito à propriedade do pai.

Qual é a propriedade de Deus?
Verdade, amor, tolerância, paz e justiça são as propriedades de Deus. Então, você deve se esforçar para alcançar essas qualidades.

Você deve praticar, experienciar e propagar essas virtudes. Só então você merece ser chamado Filho de Deus.


A terceira é: “Eu e o Pai somos um”.

Essa fase é alcançada quando o princípio da unidade é realizado. Jesus estava sempre feliz, e preparado para tudo, porque Ele entendeu que o corpo é somente a veste e Deus é o morador.”

Sathya Sai Baba

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Sai Baba fala sobre Jesus Cristo - FELIZ NATAL!


Data: 25/12/93

Ocasião: Natal - O Nascimento de Jesus

Local: Prasanthi Nilayam

O Natal é celebrado em inúmeros lugares em todo o mundo, mas em nenhum lugar é celebrado como aqui em Prasanthi Nilayam.
Geralmente as pessoas assistem a uma cerimônia na igreja e divertem-se em festas, bebendo e comendo; mas aqui pessoas vindas de diferentes países do mundo reúnem-se harmoniosamente, embora falem idiomas diversos e sigam diferentes crenças e culturas. Todos começam o dia cantando o nome e a glória de Deus, independentemente de suas diferenças. Passam o dia juntos, enaltecendo a mensagem de amor Universal.


Isto é praticar a unidade na diversidade e a verdadeira filosofia Advaita 1 em ação. A cada minuto a estamos experimentando!
Qual é o significado de se fazer namaskaram 2 aos mais velhos? Este gesto significa que se está reunindo os cinco sentidos da percepção e os cinco sentidos da ação num só, unificando-se os diferentes sentidos.
Na palavra namaskaram temos “na” e “maskaram”. “Na” significa “não”, indicando a renúncia ao ego e a consciência não atrelada ao corpo. A união de todos os órgãos dos sentidos elimina ahamkara, ou ego. Isto conduz à pureza que, por sua vez, conduz à Divindade.
Tal unidade só pode ser vista em Prasanthi Nilayam. Políticos e pregadores, hoje, falam em unidade e pureza, mas eles próprios não as seguem! Somente em Prasanhti Nilayam esta unidade e pureza são difundidas naturalmente, sem nenhum esforço por parte de quem quer que seja. Todos vivem como irmãos e irmãs da mesma família.

O Poder do Amor

Há um número de estrangeiros aqui que têm muitas posses, possuindo conforto de príncipes em suas casas. Mas em Prasanthi precisam enfrentar uma vida austera. Vivem nos galpões (sheds) com espírito de amizade e companheirismo, embora privados até de certos confortos mínimos.

Ainda assim eles não desfrutam a vida em suas grandes mansões tanto quanto aproveitam sua estadia aqui nestas condições desconfortáveis. A razão disto é o amor divino. Se não existir tal amor em vocês, não poderão viver aqui nestas condições desconfortáveis, nem por um minuto!

Manifestações do Amor Divino!
Devotos que vieram de países distantes!

Vocês estão adaptando-se à vida aqui. A despeito da falta de amenidades a que estão acostumados em casa, sentem-se felizes. Esta é, de fato, uma grande prática espiritual, que pode até ser chamada de penitência. Os estrangeiros, apesar de seu desconforto e dificuldades transmitem alegria em suas faces sorridentes. Tudo isso por causa de seu amor por Swami! Os ocidentais gastam muito dinheiro para vir até aqui e suportam os rigores da vida disciplinada na maior boa vontade, sempre felizes. Porém, a despeito de todo o conforto, algumas pessoas do nosso próprio país que se reúnem aqui não apresentam semblantes de satisfação!

Manifestações do Amor Divino!

Aquele que lembra de Deus constantemente com amor e devoção será sempre feliz, quer esteja num vilarejo ou numa cidade, voando no céu ou dentro de uma floresta, porque Deus dança em seu coração e lhe concede alegrias.

Por causa da falta de unidade, esta nação está enfrentando dificuldades e tumultos. A promoção da unidade é essencial para a paz da nação e do mundo. De nada vale saudar os outros simplesmente com palavras que saem dos lábios: as saudações devem vir do coração, com sinceridade e amor.

Bhagavan concluiu Seu discurso com o Bhajan Prema Muditha Manase Kaho

Publicação em Português: Divinas Mensagens - Vol. 3 - 6/2001
Publicação Original: Sanathana Sarathi - Vol. 36 - Número 01 - 1/1993


1 Filosofia não-dualista que prega a unidade entre Deus e o homem
2 Gesto de reverência, unindo as duas palmas da mão verticalmente na altura do peito

Bhagavan Sri Sathya Sai Baba



Veja também



Discursos de Sathya Sai Baba proferidos em ocasião do Natal:



GANHE A PAZ ETERNA COM A VERDADE ETERNA 25/12/2006
Natal - O Nascimento de Jesus download

O AMOR E AS ORAÇÕES SINCERAS TRAZEM SUCESSO À SUA VIDA 25/12/2004
Natal - O Nascimento de Jesus download

VOCÊS SÃO O PRÓPRIO DEUS 25/12/2003
Natal - O Nascimento de Jesus download

AMOR E MORALIDADE - AS NECESSIDADES DO MOMENTO 25/12/2002
Natal - O Nascimento de Jesus download

DEUS NUNCA ABANDONA SEUS DEVOTOS 25/12/2001
Natal - O Nascimento de Jesus download

ENFRENTEM A INVEJA COM AMOR 25/12/2000
Natal - O Nascimento de Jesus download

O AMOR DIVINO É A VERDADEIRA RELIGIÃO 25/12/1999
Natal - O Nascimento de Jesus download

O SACRIFÍCIO LEVA À IMORTALIDADE 25/12/1998
Natal - O Nascimento de Jesus download

PROPAGUEM A MENSAGEM DO AMOR 25/12/1994
Natal - O Nascimento de Jesus download

A UNIDADE NA DIVERSIDADE 25/12/1993
Natal - O Nascimento de Jesus download

ASSEGUREM O AMOR DE DEUS 25/12/1984
Natal - O Nascimento de Jesus download


http://saibhakta.multiply.com/tag/jesusporsathyasai



A TODOS OS IRMÃOS E IRMÃS UM FELIZ NATAL!

BOLO BHAGAVAN SRI SATHYA SAI BABA JI KI JAI!

GLÓRIA A JESUS CRISTO !

http://saibhakta.multiply.com/journal/item/199



Om Sai Ram!!

terça-feira, 21 de dezembro de 2010




MANTRA DO BUDDHA DA MEDICINA E DA CURA

TAYATHA OM BEKANDZE BEKANDZE MAHABEKANDZE RANDZA SAMUDGATE SOHA





%2520%25202.Teyatha%2520om%2520Bekandze%2520%28range%29%5B1%5D.mp3

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Pensamento para o Dia 26/11/2010

“O professor deve descer ao nível do aluno. Esse processo é chamado "descida". Isso não significa descer do topo ao chão. Significa apenas aceitar o nível da pessoa que será beneficiada. O bebê no chão não pode saltar para os braços da mãe quando ela o convida a subir. "Eu sou uma grande pessoa. Eu não vou me abaixar "- se a mãe se sente assim, ela não pode possuir a criança. Curvar-se não torna uma pessoa pequena. O professor também não se degrada quando desce ao nível do aluno a fim de ensiná-lo. É apenas um sinal louvável de amor.”

Sathya Sai Baba

Om Sai Ram!!!

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

AMOR E FAMÍLIA

AMOR E FAMÍLIA

A família é o núcleo central da sociedade moderna. É nela onde os amores se encontram e reencontram. O amor é ali testado e sentido na mais alta intensidade. A família proporciona o encontro dos sentimentos controvertidos do passado, transformando-os em amor no presente. É na família onde aprendemos as mais puras lições do amor de Deus, representado no amor de mãe.


Sua estrutura básica alicerça-se no amor. Sua origem de- veu-se não só à necessidade de proteção como também do espírito em vivenciar suas emoções e em ligar-se às pessoas por quem nutria um amor embrionário.


É na família onde se experimenta o amor maternal, o filial, o paternal, o fraternal, que se assemelham na incondicionalidade e no desejo de sentí-los com o intuito de elevar e fazer crescer o outro.


Nela reencontramos antigos afetos e desafetos, em cuja companhia elaboramos novas oportunidades de realizações e subs- tituímos as emoções desarmonizadas do passado.



Às vezes, aparecem na família, habitando o mesmo teto, pessoas que não possuem laços consangüíneos mas que desem- penham papéis importantes para o equilíbrio doméstico. São au- xiliares da vida cotidiana que nos servem de modelo e, muitas vezes, estabelecem nossos limites, educandonos quanto às regras de convivência.


É nela que retornam os antigos amores, cujo reencontro se dá para a realização de novos ideais em benefício da vida e de seus protagonistas. Nem sempre os papéis são os mesmos. Inde- pendente disso, o amor permanece unindo aqueles que se reaproximam para nova convivência.


Pessoas que se reúnem pela afinidade e sintonia em torno de objetivos superiores, formam as famílias espirituais, cujos laços não se desfazem com a morte do corpo.



Espíritos que juntosviajam em sucessivas existências, renascem numa mesma família, com novos propósitos de crescimento. O membro que se afastou para nova jornada, recebe o auxílio daqueles que ficaram. O retorno a uma nova existência não separa os que verdadeiramente se amam e confiam no Criador.



O Universo, infinitamente habitado, abriga imensos agrupamentos de espíritos como famílias de uma cidade. Vez por outra, uma família de um mundo vai em busca de crescimento em outro. Às vezes, a ida para outro orbe se dá por exílio ou degredo. Em todos os casos é sempre o amor de

Deus a equilibrar e harmonizar o universo.


O espírito, quando em família, nem sempre consegue mascarar sua realidade. A vida, entre quatro paredes, desnuda a to- dos. Ninguém se esconde na convivência com seus pares.



As aversões ocorridas nos relacionamentos familiares, quando não decorrem de ações havidas em outras encarnações, ge- ralmente refletem as influências espirituais a que se sujeitam aqueles que não agem com amor, como também o estágio evolutivo de cada um. Conviver é um aprendizado que temos de encetar em favor de nós próprios.



Nem sempre renascemos e permanecemos com os pais biológicos que nos colocaram na carne. A vida nos situa onde necessitamos aprender. A família ou os pais que temos são aqueles que merecemos e aos quais devemos, para sempre, o amor com que nos receberam.



Quando recebemos, como nossos, os filhos que não geramos, assumimos o papel de colaboradores de Deus em sua obra, amando pelo princípio do amor sem limites.



Valorizemos a vida em família, pois ela nos leva à percep- ção de nós mesmos. Remete- nos à necessidade de amar os que conosco convivem. Ela ainda é uma necessidade do nosso mo- mento evolutivo.



Necessitamos, para melhor convivência social, construir uma sociedade em que, nas famílias, vigorem os princípios do amor, da paz e da harmonia entre seus membros. Para isto cada um tem um papel a cumprir no seu contexto. A cada um é reservada uma parte das ações que viabilizarão aquela meta.



Sintamos, em cada pessoa com quem nos relacionamos, um irmão, um membro da família de Deus. Somos todos filhos do mesmo pai, independente de quaisquer características biológicas.



O Cristo nos deu o exemplo de família quando nos convidou a entendê-la como universal, cujos membros são aqueles que fazem a vontade do Pai.


Adenáuer Novaes

domingo, 24 de outubro de 2010

OM TRAYAMBAKAM YAJAMAHAE Version 2




MANTRA MAHA MRITYUNJAYA - PARA SHIVA

OM TRYAMBAKAM YAJAMAHE
SUGANDHIM PUSHTI VARDHANAM
URVA RUKAMIVA BANDHANAT
MRITYOR MUKSHIYA MAMRITAT


PRONÚNCIA:

OOMM TRIAMBACAM IÃDIAMARREE
SUGAND-RRIM PUSHH-TI VARDANAM
URVÁÁ RUCAMIVA BANDANÁÁ
MRI-TYOR MUK-CHÍA MAA-MRITÁÁ


"O Grande Mantra da Vitória Sobre a Morte."
Maha = Grande Mrityun = Morte Jaya = Vitória
Dizem que este mantra é rejuvenescedor, outorga saúde, riquezas, uma vida longa, paz, prosperidade e contentamento. Como é uma oração endereçada ao Senhor SHIVA, ao entoarmos este mantra, vibrações Divinas são geradas para repelir todas as forças negativas do mal, criando um escudo protetor poderoso.
Este é um mantra para pedir a cura de doenças, e para proteger contra acidentes e desgraças de todas as espécies.
Maha Mrityunjaya também é conhecido como "Mantra Moksha" (o mantra da libertação da reencarnação) do Senhor Shiva. Este é um mantra protetor contra acidentes, infortúnios e calamidades diárias, um mantra para sermos libertados dos sofrimentos físicos, mentais e emocionais, dos medos da morte e de acidentes.
O grande número encontrado de diferentes interpretações deste mantra, deixa claro que nenhuma delas faz justiça a todos os níveis e significados que ele nos traz. A múltipla natureza das palavras em sânscrito, faz com que isto seja possível.
Na verdade, a pronúncia correta dos sons do mantra são mais importantes aos praticantes, do que a sua tradução exata. Como música, a ressonância destes sons atrai a mente e a dirige a uma experiência interior. O significado literal do mantra é secundário. Por outro lado, é importante conhecer o significado do mantra para desenvolver uma fé nele.
O primeiro passo é aprender a recitar o mantra corretamente. Embora pareça meio longo, ele tem só trinta e três sílabas que podem ser aprendidas com um esforço modesto. Uma repetição lenta combinada com uma revisão do significado das palavras individuais, ajudará a lembra-lo.
Uma vez que o mantra seja aprendido, leve o significado para sua mente enquanto faz sua meditação diária, como um tipo de invocação em sua prática normal. Depois de acalmar o corpo e a respiração, entoe o mantra por 3, 27, 33, 108 recitações, e permita sua mente tornar-se absorta pelos sons e ritmos de cada linha.
Deixe o mantra puxar sua consciência ao centro do seu coração ou para o centro das sobrancelha, na altura do chakra da terceira visão.
Se for recitar o mantra para resolver um problema de saúde, focalize sua consciência no Plexo Solar. É muito comum na Índia, recitarem o mantra Mrityunjaya, quando uma criança faz seu primeiro ano de idade. É uma forma de desejar à criança uma vida longa e saudável.
Alguns recitam o mantra em todos os aniversários, sendo que os 60º e 80º aniversários, são também considerados especiais, para a recitação do mantra, para que a passagem, agora mais próxima, possa ocorrer com a vitória da vida eterna.


QUAL É O SIGNIFICADO DO MANTRA "MRITYUNJAYA"
OM – O início de cada mantra. Palavra que traz a energia do mantra à manifestação.
TRYAMBAKAM - A palavra TRYAMBAKAM, Refere-se aos Três olhos do Senhor Shiva. “TRY” é o mesmo que “Três” e “AMBAKAM” quer dizer “olhos”.
Alguns pronunciam esta palavra como TRAYAMBAKAM, e o significado é o mesmo, "TRAYA" quer dizer "triplo".
Estes três olhos ou fontes de iluminação, são representados pela Trimurti de Brahma, Vishnu e Shiva e “AMBA” também tem uma referencia à Mãe ou Shakti e "KAM" que refere-se ao Bom e Correto.
Shakti é a Mãe divina manifestada, mas é também representada pelas consortes de Brahma, Vishnu e Shiva; que são: Saraswati, Lakshmi e Parvati.
Assim, quando pronunciamos, as palavras: OM TRYAMBAKAM, nós estamos manifestando a Presença de Deus, como Onisciente (Brahma), Onipresente (Vishnu) e Onipotente (Shiva).
O termo “Três olhos” significa a mais pura e profunda consciência do universo que impregna e transcende o tempo no presente, no passado e no futuro.
YAJAMAHE : é uma oferta, sacrifício, adoração, veneração. Adorando com Alegria. Nós oferecemos nosso sacrifício com alegria. Alguns traduzem para: “Cantamos em sua honra”.
SUGANDHIM : é um doce perfume/ uma fragrância agradável. Uma referência à alegria que temos de conhecer, enxergar e sentir a Poderosa Presença do Senhor Shiva, que nos envolve com a fragrância de Seu perfume. Quando o nosso terceiro olho desperta, tudo torna-se perfumado, porque tudo passa a ser visto como sagrado.
PUSHTI : é o mesmo que nutrir; o suporte a tudo o que existe; a prosperidade.
VARDHANAM : Aumento, incremento, fortalecimento. O aumento da prosperidade, do auxilio divino, da saúde e do bem estar.
URVARUKAM : Um tipo de pepino, que no passado da Índia, era conhecido como fruto de uma trepadeira. Esta trepadeira emaranhava-se em outras plantas, unindo-se a elas e tornando-se um obstáculo para o crescimento do pepino, que sofria para libertar-se e cair.
“IVA” : assim como. desta forma.
BANDANAAM : impotente e sem forças, preso no cativeiro.
MRITYOR : da morte, das doenças e dos obstáculos.
MUKSHIYA : uma armadilha.
MAAMRITAAT : livra-nos da morte, dê-nos a vida eterna.


Este mantra começa por invocarmos a TRYAMBAKAM.
Ao falarmos esta palavra, estamos chamando a atenção de Shiva sobre nós. Mais do que isto, estamos reconhecendo em Shiva, seu poder de manifestação da totalidade divina.
Shiva é a vontade de Brahman manifestada. Ao dizermos OM TRYAMBAKAM, estamos invocando a capacidade de enxergar através de nosso terceiro olho.
OM TRYAMBAKAM OM TRYAMBAKAM OM TRYAMBAKAM.
Quando dizemos YAJAMAHE, Estamos confirmando que vivemos para Deus e para Sua causa.
SUGANDHIM, é um reconhecimento de que Deus está no meio de nós. Esta é a afirmação que autorizamos em nosso livre arbítrio, a Vontade divina atuando em nossas vidas.
PUSHTI VARDHANAM, é um reconhecimento de que Deus pode nos dar prosperidade e auxilio, saúde e bem estar.
URVA RUKAMIVA, são palavras que representam a doença e os obstáculos na vida. Estas são as palavras chave do mantra. Falando-as, nós estamos reconhecendo o poder dos obstáculos e das doenças, bem como a nossa situação de encarnados e limitados pela matéria. Assim como o pepino sofre para se libertar, nós também lutamos para nos libertarmos dos ciclos de reencarnação na matéria.
URVA RUKAMIVA, quando dita junto de BANDHANAT, significa : “sem forcas devido a uma forte doença ou obstáculos”. Esta parte refere-se às barreiras do mundo astral que nos envolvem. Na Terra, estamos todos envoltos pelo plano astral e isto é um problema sério em nossas vidas e precisamos de ajuda espiritual (Tryambakam - visão da realidade) para sairmos da lama astral.
MRITYOR MUKSHIYA MAAMRITAAT, ao dizermos isto, estamos confirmando que precisamos da interseção divina. Precisamos da ajuda do Senhor Shiva, para nos livrar da morte, das doenças e dos obstáculos da vida astral.
Esta parte do mantra, também se refere à morte física e prematura, como aos ciclos de reencarnação, objetivando alcançarmos o Nirvana ou emancipação final do re-nascimento na matéria “Senhor Shiva, liberte-nos das amarras da morte e da ignorância”.
Este mantra mostra que estamos realmente interessados em atingir a glória da vida eterna, ao lado de Deus. Queremos realizar o que é imortal; o que está por detrás de tudo.
As Escrituras comentam que a repetição constante deste antigo Mantra Upanishadico, purifica o coração e desperta a percepção ou terceiro olho, nos conduzindo a um nível de entendimento mais profundo.
De modo simultâneo, a reflexão neste Mantra também auxilia a despertar nossas faculdades intuitivas latentes. Este Mantra é especialmente recomendado para afastar os sofrimentos em caso de doenças físicas ou emocionais.


Folcloricamente, ele é traduzido assim:
Nós adoramos o ser de três olhos, (Senhor Shiva). Aquele que é perfumado e nutre a todos os seres. Que Ele nos liberte da morte, com o propósito da imortalidade. Do mesmo modo como um pepino maduro é separado da trepadeira.


Paulo Rodrigues Simões


Obtido em: www.grandefraternidadebranca.com.br

sábado, 23 de outubro de 2010




A vida na Terra é um ato do amor de Deus.

É uma oportunidade de refazer-se na longa
caminhada pela perfeição.


É poder sentir-se uno com a Criação Divina.
Ao admirar a Natureza percebe-se o quanto ela
é bela e grandiosa. Suas mínimas particularidades
revelam a Grandeza de seu Autor.

Nada foi esquecido ou desprezado.
Tudo se encontra em desenvolvimento e evolução.

Amar é abrir uma janela para a vida.
É despertar do sono letárgico em que se vive.
É sair do casulo das paixões inferiores
e entregar-se ao divino.


É perceber-se Um com Deus e com o outro.
O amor é a essência do universo.
Sua constituição íntima é o amor.

No amor está a síntese da vida.
Ela só tem sentido quando formos capazes
de perceber o amor. Em tudo observamos a presença do amor.


Ele se manifesta como energia mantenedora da vida.

A vida dedicada ao amor é a vida plena.
A vida entregue ao amor é a vida completa.
Não se entregue a outra coisa na qual
não possa perceber o amor pleno...


Adenáuer Novaes - do Livro Amor Sempre

sexta-feira, 22 de outubro de 2010




ॐ असतो मा सद्गमय ।
तमसो मा ज्योतिर्गमय ।
मृत्योर्मामृतं गमय ।।
asato mA sadgamaya |
tamaso mA jyotirgamaya |
mRRityormA amRRitaM gamaya ||
Om Shanthi Shanthi Shanthihi

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

NOVENA MILAGROSA DE KWAN YIN



É da vontade da Bem Amada Mãe Kwan Yin, que esta Novena Milagrosa alcance o maior número de corações humanos para que todos possam usufruir dos benefícios
de praticar a sua Novena Milagrosa.

Você pode realizar esta novena sozinho ou em grupo (em grupos seu poder é sentido de forma
muito intensa pelas pessoas participantes).

Você pode realizá-la durante 9, 21 ou 33 dias consecutivos, sempre no mesmo
horário.

Você necessitará de um copo ou jarra com água para ser consagrada na finalização da prática diária da
novena.

Quando estiver trabalhando com as Chamas Violeta e Dourada, visualize essas duas Chamas Sagradas, desbloqueando e
despertando cada parte adormecida do seu cérebro e todas as energias
de limitação caindo por terra e sendo transmutadas.

A Bem Amada Mãe Kwan Yin tem se mostrado muito presente para aqueles que
tem praticado esta novena e muitas bênçãos tem sido alcançadas
desde então. Kwan Yin esta sempre pronta para socorrer a quem quer
que seja, e sempre pronta para atender ate mesmo o menor dos
pedidos.

Confie nela, tenha fé, convide-a para sua vida e ela muito fará por você, como tem feito por muitos de nós.

Um Grandioso Abraço Em Vosso Amado Coração!
Novena Canalizada por Clarindo Melchizedek.




INVOCAÇÃO DOS MESTRES

Eu( diga seu nome), invoco agora a Amada Presença de Deus Pai-Mãe, o
Cristo Cósmico, o Espírito Santo, Meu Eu Superior, Minha Divina
Presença EU SOU, o Mestre Saint Germain e todos os Anjos e Arcanjos
da Poderosa Chama Violeta, os Mestres do Conselho Cármico e a Chama
da Misericórdia Divina, o Conselho de Manifestação, o Mestre
Khuthumi e todos os Anjos e Arcanjos da Chama Dourada da Sabedoria e
da Iluminação, os Cinco Dhyani Budhas, os Mestres da Ordem do Manto
Dourado, todos os meus Anjos, Guias e Mestres a Serviço do Cristo e
em especial eu invoco agora a presença da Bem Amada Mãe Kwan Yin
para me ajudar a Manifestar as Graças e as Bênçãos desta Novena
Milagrosa em minha vida aqui e agora.

Bem Amada Kwan Yin
Invoco Tua soberana Luz
Divina Jóia do Lótus Sagrado
Habitai meu Coração.

Divina Deusa do Amor
Resplandece Tua Divina luz em meu caminho
Ilumina meus passos
Bem Amada Mãe de Misericórdia.

Sagrada Mensageira da Compaixão Divina
Despertai Tua Divina Luz em meu coração
Transforma meu mundo com Tua Divina Benção
Compadece-te de mim Divina Mãe.

Divina Jóia do Lótus
Fazei de mim instrumento de Tua Compaixão
Que vossa Divina Misericórdia
Resplandeça em meu coração hoje e sempre.

Divina Mãe Kwan Yin
Eu reverencio Tua Divina Compaixão
Que flui em meu coração na forma
Da Divina e Eterna Canção:

“OM MANI PADME HUM” - (3 x)






INVOCAÇÃO DA CHAMA VIOLETA

Através da Amada Presença de Deus, EU SOU, agora resplandecendo em meu coração, eu invoco o Amado Saint Germain e
Bem Amada Mãe Kwan Yin e TODAS as Legiões de Luz por todo o
infinito que estejam associadas às novas freqüências da 5ª
Dimensão da Chama Violeta da Infinita Perfeição de Deus.

Amados Mestres, eu invoco através da Chama do meu Coração as freqüências
mais intensificadas da Chama Violeta que a lei Cósmica permita para
mim, para todos os seres que eu Amo e para toda a Humanidade do
planeta Terra.

Poderosa Chama Violeta manifestai, manifestai, manifestai o fogo sagrado da transmutação e da cura em minha vida
aqui e agora.

Amada Presença Eu Sou, resplandeça, resplandeça, resplandeça o momentum pleno deste Sagrado Fogo
Violeta em minha vida aqui e agora.

AH HUM, AH HUM, AH HUM
NAMO KWAN SHI YIN PU SA – (3 X)
OM, OM, OM



LIMPANDO, TRANSMUTANDO E PURIFICANDO

Divina Mãe Kwan Yin intercedei por mim neste momento com vossa Divina Misericórdia e Compaixão, para
que se realize aqui e agora a Limpeza, Transmutação e Purificação
dos meus corpos físico, mental, emocional e espiritual e todo o meu
sistema de chacras.

Amada Presença Eu Sou, resplandeça, resplandeça, resplandeça o momentum pleno deste Sagrado Fogo
Violeta em, através e ao redor de cada elétron da preciosa energia
da Vida que eu já tenha qualificado erroneamente, em qualquer
estrutura do tempo ou dimensão, tanto conhecida, quanto
desconhecida. Transmute estes padrões de causa, essência, efeito,
registro e memória de imperfeição na Perfeição Infinita de
Deus.

Poderosa Chama Violeta eu te invoco agora, limpai, transmutai e purificai o meu ser aqui e agora – (3 x).

Amada Presença Eu Sou, resplandeça as freqüências da 5ª Dimensão da
Chama Violeta através de cada pensamento, palavra, ação ou
sentimento, que eu já tenha expresso que reflita qualquer coisa
menos do que o Conceito Imaculado de meu pleno Potencial
Divino.

Poderosa Chama Violeta eu te invoco agora, limpai, transmutai e purificai o meu ser aqui e agora – (3 x).

Amada Presença Eu Sou, olhe para a minha vida agora e veja o que ainda
permanece para ser equilibrado por mim para qualquer pessoa, lugar,
condição ou coisa que eu possa ter prejudicado em qualquer tempo,
de qualquer modo, por qualquer razão que seja.

Poderosa Chama Violeta eu te invoco agora, limpai, transmutai e purificai o meu ser
aqui e agora – (3 x).

Amada Presença Eu Sou, que as suas grandes mãos amorosas de Luz alcancem agora toda a energia
qualificada positivamente que eu tenha liberado através de minha
permanência Terrena, e suscite mil vezes tanta perfeição quanto eu
tenha errado.

Poderosa Chama Violeta eu te invoco agora, limpai, transmutai e purificai o meu ser aqui e agora – (3 x).

Amada Presença Eu Sou, forme desta substância de perfeição um Presente do Amor Divino, o que for necessário para
equilibrar cada débito que eu tenha criado, que ainda permaneça não
saldado com qualquer parte da Vida.

Poderosa Chama Violeta eu te invoco agora, limpai, transmutai e purificai o meu ser aqui e
agora – (3 x).

Divina Mãe Kwan Yin intercedei pelo corpo físico, pela minha saúde mental, emocional e espiritual aqui e
agora.

Eu Sou um ser de Fogo Violeta em ação aqui e agora, limpai, transmutai e purificai – (3 x) - Tudo aquilo que não for a
vontade de Deus em Mim.

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou a Chama Violeta em ação aqui e agora, limpando, transmutando, purificando todo os
meus Negócios, as minhas Finanças, o meu Emprego, o meu Lar, a
minha Família, as pessoas que Eu Amo (3 x).

Divina Mãe Kwan Yin, eu te entrego aqui e agora toda minha Dor e Sofrimento,
trasmutai, transmutai, transmutai, protegei-me, protegei-me,
protegei-me aqui e agora.

Divina Mãe Kwan Yin, protegei-me, protegei-me, protegei-me, prosperai, prosperai, prosperai todo os
meus Negócios, as minhas Finanças, o meu Emprego, o meu Lar, a
minha Família, as pessoas que Eu Amo (3 x).

Divina Mãe Kwan Yin, que vossa Luz fortaleça meu coração em teu Divino Amor e
Misericórdia.

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou,
Namo Pai Fu Shou Kwan Yin (33 x)
Ah Hum, Ah Hum, Ah Hum
OM, OM, OM
OM Avalokitesvara Kwan Yin eu me refugio na Tua Misericórdia.
Possa eu seguir as tuas pegadas e ser compassivo com todos os seres.
Ó Grande Mãe de Misericórdia,
Divina Mãe Kwan Yin eu abraço a Tua Luz que flui em mim aqui e agora.

Bem Amada Mãe Kwan Yin, em nome da Tua Divina Misericórdia eu te peço que me ajude...(Faça agora o pedido para a ajuda que esta necessitando).

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou,
A Jóia do Lótus de Kwan Yin Despertando aqui e agora.
Namo I Ju Kwan Yin (33 x)
Ah Hum, Ah Hum, Ah Hum
OM, OM, OM

OM MANI PADME HUM – (108 x)



INVOCAÇÃO DAS CHAMAS VIOLETA E DOURADA

Através da Amada Presença de Deus, EU SOU, agora resplandecendo em meu coração, eu invoco o Amado
Saint Germain, o Amado Mestre Khuthumi e a Bem Amada Mãe Kwan Yin e
TODAS as Legiões de Luz por todo o infinito que estejam associadas
às novas freqüências da 5ª Dimensão das Chamas Violeta e Dourada
da Infinita Perfeição de Deus.

Amados Mestres, eu invoco através da Chama do meu Coração as freqüências mais
intensificadas das Chamas Violeta e Dourada que a lei Cósmica
permita para mim, para todos os seres que eu Amo e para toda a
Humanidade do planeta Terra.

Poderosas Chamas Violeta e Dourada manifestai, manifestai, manifestai o fogo sagrado da
transmutação e da Sabedoria que Liberta, libertando, libertando,
libertando e despertando todas as partes adormecidas do meu cérebro
físico, do meu corpo mental, meu corpo emocional, meu corpo
espiritual, os meus negócios, as minhas finanças, os meus
relacionamentos, o meu lar, a minha família, as pessoas que eu amo,
de todo e qualquer dispositivo de limitação, implantes e crenças
negativas limitadoras, parasitas e vibrações negativas de
encarnados e desencarnados do passado e do presente, curando e
libertando a minha vida aqui e agora. (3 x)

Amada Presença Eu Sou, resplandeça, resplandeça, resplandeça o momentum pleno destas
Chamas Sagradas Violeta e Dourada em minha vida aqui e agora.

AH HUM, AH HUM, AH HUM
NAMO KWAN SHI YIN PU SA – (33 X)
OM, OM, OM

OM Avalokitesvara Kwan Yin eu me refugio na Tua Misericórdia.
Possa eu seguir as tuas pegadas e ser compassivo com todos os seres.
Ó Grande Mãe de Misericórdia,
Divina Mãe Kwan Yin eu abraço a Tua Luz que flui em mim aqui e agora.

Bem Amada Mãe Kwan Yin, em nome da Tua Divina Misericórdia eu te peço
que me ajude...(Faça agora o pedido para a ajuda que esta
necessitando).

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou,
A Jóia do Lótus de Kwan Yin Despertando aqui e agora.
Namo I Ju Kwan Yin (33 x)
Ah Hum, Ah Hum, Ah Hum
OM, OM, OM

OM MANI PADME HUM – (108 x)




PRÁTICA DO PERDÃO

Divina Mãe Kwan Yin, colocai a Luz do Perdão em minha mente e em meu coração aqui e agora. (3 x)

Divina Mãe Kwan Yin, baixai a Luz Divina da Misericórdia e do Perdão em minha vida aqui e agora. (3 x)

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou a Lei do Perdão em ação aqui e agora. (3 x)

Minha Amada Presença Eu Sou, eu Perdôo a todos aqueles encarnados e desencarnados do passado e do presente que
conscientemente e inconscientemente possam ter me prejudicado de
qualquer modo. (3 x)

Minha Amada Presença Eu Sou, eu peço Perdão a todos aqueles encarnados e desencarnados do passado e do
presente que conscientemente e inconscientemente eu possa ter
prejudicado de qualquer modo. (3 x)

Minha Amada Presença Eu Sou, eu lhe peço para perdoar através do poder da Chama Violeta aqui e agora, cada pessoa, lugar, condição ou coisa, que possa me
ter prejudicado de qualquer modo, e equilibre, todos os débitos
devidos a mim pela Vida em todo o lugar.

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou a Lei do Perdão em ação aqui e agora. (3 x)

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou,
Namo I Ju Kwan Yin (33 x)
Ah Hum, Ah Hum, Ah Hum
OM, OM, OM

OM Avalokitesvara Kwan Yin eu me refugio na Tua Misericórdia.
Possa eu seguir as tuas pegadas e ser compassivo com todos os seres.
Ó Grande Mãe de Misericórdia,
Divina Mãe Kwan Yin eu abraço a Tua Luz que flui em mim aqui e agora.

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou,
A Jóia do Lótus de Kwan Yin Despertando aqui e agora.
Namo I Ju Kwan Yin (33 x)
Ah Hum, Ah Hum, Ah Hum
OM, OM, OM

Bem Amada Mãe Kwan Yin, em nome da Tua Divina Misericórdia eu te peço que me ajude...(Faça agora o pedido para a ajuda que esta necessitando).

OM MANI PADME HUM – (108 x)




ATIVANDO A CHAMA TRINA DO CORAÇÃO

Bem Amada Mãe Kwan Yin, em nome da vossa grandiosa Misericórdia ativai agora no centro do meu coração a Sagrada Chama Trina do Amor Incondicional, da Sabedoria Divina e do Poder Criativo – (3 x).

Em nome da minha Poderosa Presença Eu Sou, eu comando que a Sagrada Chama Trina em meu coração expanda
a sua luz em todas as direções aqui e agora. (3 x)

OM Avalokitesvara Kwan Yin eu me refugio na Tua Misericórdia.
Possa eu seguir as tuas pegadas e ser compassivo com todos os seres.
Ó Grande Mãe de Misericórdia,
Divina Mãe Kwan Yin eu abraço a Tua Luz que flui em mim aqui e agora.

OM MANI PADME HUM – (108 x)

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou,
A Jóia do Lótus de Kwan Yin Despertando aqui e agora.
Namo I Ju Kwan Yin (33 x)
Ah Hum, Ah Hum, Ah Hum
OM, OM, OM



MANIFESTANDO E CONCRETIZANDO SEU DESEJO

Bem Amada Mãe Kwan Yin, em nome da vossa grandiosa Misericórdia e em nome da minha Bem Amada Presença Eu Sou,
manifestai e concretizai, manifestai e concretizai, manifestai e
concretizai.... (Faça agora o pedido para a ajuda que esta
necessitando) em minha vida aqui e agora. (3 x)

OM Avalokitesvara Kwan Yin eu me refugio na Tua Misericórdia.
Possa eu seguir as tuas pegadas e ser compassivo com todos os seres.
Ó Grande Mãe de Misericórdia,
Divina Mãe Kwan Yin eu abraço a Tua Luz que flui em mim aqui e agora.

OM MANI PADME HUM (1000 X)




CONSAGRAÇÃO DA ÁGUA

(Estenda sua mão direita sobre a água e visualize Kwan Yin derramando de seu Jarro Sagrado sobre a água o Néctar Divino da Cura, da Abundância Divina, da
Prosperidade, da Felicidade e da Libertação).

Bem Amada Mãe Kwan Yin, purificai, purificai, purificai, transmutai, transmutai,
transmutai, magnetizai, magnetizai, magnetizai esta água em
substancia de Luz Sagrada e Divina, derramai do vosso Jarro Sagrado o
Néctar Divino para a cura do meu corpo físico, mental, emocional e
espiritual. (3 x)

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou,
A Jóia do Lótus de Kwan Yin Despertando aqui e agora.
Namo I Ju Kwan Shi Yin Pu Sa (33 x)
Ah Hum, Ah Hum, Ah Hum
OM, OM, OM




LOUVOR E AGRADECIMENTO

Em Louvor eu agradeço a Bem Amada Mãe Kwan Yin, a Salvadora Compassiva.
Em Louvor eu agradeço a Bem Amada Mãe Kwan Yin, que ouve os lamentos do mundo.
Em Louvor eu agradeço a Bem Amada Mãe Kwan Yin, de grande Misericórdia e
Compaixão.
Em Louvor eu agradeço a Bem Amada Mãe Kwan Yin, da Poderosa Chama Violeta.
Em Louvor eu agradeço a Bem Amada Mãe Kwan Yin, Vestida do Branco da Pureza.
Em Louvor eu agradeço a Bem Amada Mãe Kwan Yin, da Lótus Dourada da Iluminação.
Em Louvor eu agradeço a Bem Amada Mãe Kwan Yin, a Divina Jóia do
Lótus Sagrado.
Em Louvor eu agradeço a Bem Amada Mãe Kwan Yin, doadora de Bênçãos e Curas.
Em Louvor eu agradeço a Bem Amada Mãe Kwan Yin, pela Manifestação e Concretização do meu
pedido.

Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou,
A Jóia do Lótus de Kwan Yin Despertando aqui e agora.
Namo I Ju Kwan Shi Yin Pu Sa (33 x)
Ah Hum, Ah Hum, Ah Hum
OM, OM, OM




ENCERRAMENTO

Eu(diga seu nome), agradeço agora a Amada Presença de Deus Pai-Mãe, o
Cristo Cósmico, o Espírito Santo, Meu Eu Superior, Minha Divina
Presença EU SOU, o Mestre Saint Germain e todos os Anjos e Arcanjos
da Poderosa Chama Violeta, os Mestres do Conselho Cármico e a Chama
da Misericórdia Divina, o Conselho de Manifestação, o Mestre
Khuthumi e todos os Anjos e Arcanjos da Chama Dourada da Sabedoria e
da Iluminação, os Cinco Dhyani Budhas, os Mestres da Ordem do Manto
Dourado, todos os meus Anjos, Guias e Mestres a Serviço do Cristo e
em especial eu agradeço agora a presença da Bem Amada Mãe Kwan Yin
por estar me ajudando a Manifestar as Graças e as Bênçãos desta
Novena Milagrosa em minha vida aqui e agora.
Eu Sou, Eu Sou, Eu Sou,
A Jóia do Lótus de Kwan Yin Despertando aqui e agora.
Namo Kwan Shi Yin Pu Sa(3 x)
Ah Hum, Ah Hum, Ah Hum
OM, OM, OM
Eu reverencio Tua Divina Compaixão
Que flui em meu coração na forma
Da Divina e Eterna Canção:




“OM MANI PADME HUM”
“OM MANI PADME HUM”
“OM MANI PADME HUM”
OM, OM, OM


http://portalarcoiris.ning.com/group/novenamilagrosadekwanyin

terça-feira, 12 de outubro de 2010




Ser criança..

Essa sinceridade de ver tudo como deveria ser..

Essa felicidade de ter alegria nos olhos..

Essa simplicidade de ser símbolo de amor..

De paz.. De liberdade.. De inocência.. De pureza..

Essa realidade de viver num mundo perfeito..

Essa capacidade de inventar o faz de conta..

De viajar em fantasias..

De viver em contos de fadas..

De habitar jardins de alegria..

Esse dom de sorrir

Com risos enfeitiçados de magia..

Esse poder de nascer de novo a cada dia..

Todos temos uma criança dentro de nós..

Eu tenho.. E tu?

Vamos deixá-la despertar para a vida..

Libertar toda a beleza da simplicidade de sentimentos..

Vamos experimentar tudo de uma forma simples..

Em gestos.. Em olhares.. Em sorrisos..

Vamos brincar de celebrar a vida.. A paz.. O amor..

Vamos brincar de ser sinceros..

Vamos brincar de ser capazes de amar..

Vamos brincar de fazer amor..

Vamos brincar de olhar nos olhos..

Vamos brincar de se entregar..

Vamos brincar de ser feliz..

Vamos brincar de viver..

Vamos brincar de ser CRIANÇA..

Que a Criança Divina ressurja em mim, em nós, a cada dia, mais e mais, através da Paz do Eu, Paz além de qualquer compreensão!

01_o_alfabeto.mp3




Luz paz amor com infinita alegria em nossos corações
Maria Elisete

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

''Ana Bekoach" nos ajuda a transcender a "barreira" e a influência dos signos e planetas



Ana Becoach Nós te rogamos; com o poder de Tua Grandiosa Direita, desmancha a atadura.
Aceites o Canto da Tua Nação, exalta-nos e purifica-nos, ó Temido

Por favor, ó Poderoso, proteges como a pupila do Olho, aqueles que exigam a Tua Unificação.

Abençoa-os, purifica-os, concede-lhes sempre Tua Justiça misericordiosa.

Ó Santo, ó Protetor, com a abundancia da Tua Bondade, governa Tua congregação.

Ó Único, ó Exaltado, verte-Te ao Teu povo, e aqueles que se lembram de Tua Santidade.

Aceita os nossos clamores, e ouve os nossos gritos, ó Tu, que sabes todos os mistérios.

Bendito seja o Nome daquele cujo glorioso Reino é eterno.

''Ana Bekoach" nos ajuda a transcender a "barreira" e a influência dos signos e planetas.

Porque através das letras hebraicas e suas combinações, nós nos conectamos com a Fonte Divina da abundancia infinita que vem da Luz do criador.

Assim, podemos trazer para nossa vida energias positivas necessárias para que não soframos mais "como vítimas de circuntâncias caóticas", e nos transformemos em "donos do nosso próprio destino."

(Tradução para o português do Rabino Joseph Saltoum. Sidur Kaballah Center)

CONSAGRAÇÃO DO APOSENTO

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

OS QUATRO ARQUÉTIPOS DA SOBREVIVÊNCIA




A Criança, a Vítima, a Prostituta e o Sabotador estão todos intensamente envolvidos em seus desafios mais prementes relacionados à sobrevivência.

Cada um representa problemas, medos e vulnerabilidades diferentes que vocês precisam confrontar e superar como parte do seu Contrato Sagrado.

Ao assim fazerem, vocês verão estes quatro arquétipos como os seus aliados mais confiáveis, que podem representar forças espirituais assim como materiais.

Eles podem se tornar os seus guardiões e preservarão a sua integridade.

Tenham em mente que, como todos os arquétipos, as suas energias são essencialmente neutras, apesar das conotações negativas dos seus nomes. (Embora a própria criança pareça positiva, variantes como Criança Ferida, Necessitada ou Órfã, tem uma tonalidade similar negativa.)

O esboço do seu Contrato Sagrado pode ter sido consentido antes do seu nascimento, entretanto o modo no qual vocês respondem aos desafios que lhes são apresentados, e como vocês escolhem interagir com as pessoas com quem vocês têm contratos, é inteiramente da sua responsabilidade.

Se as suas escolhas forem feitas inconscientemente e vocês agirem defensivamente e temerosamente, vocês podem não aprender e crescer como deveriam.

Quanto mais conscientes puderem permanecer sobre os padrões arquetípicos que influenciam o seu comportamento, é mais provável que as suas escolhas e lições sejam positivas.

Agora vamos olhar rapidamente cada um dos quatro arquétipos de sobrevivência e ver como vocês podem aprender deles.

A CRIANÇA

A personalidade madura do arquétipo da Criança estimula esta nossa parte que anseia por ser alegre e inocente, esperando os milagres do amanhã, independente da idade.
Esta parte de nossa natureza contribui intensamente com a nossa habilidade de sentir a diversão em nossas vidas, equilibrando a seriedade das responsabilidades adultas. A Criança equilibrada é um encanto quando está perto, por causa da energia que flui desta parte de nossa responsabilidade e que é positivamente contagiante e exibe o melhor nos outros, assim como em nós.

A Criança também estabelece as nossas percepções da vida, a segurança, o cuidado, a lealdade e a família. Seus muitos aspectos incluem a Criança Ferida, Abandonada ou Órfã, Dependente, Inocente, da Natureza e Divina. Estas energias podem surgir em resposta a diferentes situações nas quais vocês se encontrem, entretanto, o problema essencial de todos os arquétipos da Criança é a dependência versus responsabilidade: quando assumir a responsabilidade, quando ter uma dependência saudável, quando enfrentar o grupo, e quando aceitar a vida pública. Cada uma das variantes do arquétipo da Criança é caracterizada por determinadas tendências, incluindo as tendências da sombra.

A CRIANÇA FERIDA

O arquétipo da Criança Ferida mantém as memórias do abuso, da negligência, e outros traumas que sofremos durante a infância. Este é o padrão da Criança com que a maior parte das pessoas se relaciona, particularmente desde que ela se tornou o foco da terapia desde os anos 60. Muitas pessoas responsabilizam o relacionamento com os seus pais por ter criado a Criança Ferida, por exemplo, para todos os seus relacionamentos disfuncionais subseqüentes. No lado positivo, as experiências dolorosas da Criança Ferida, freqüentemente despertam um profundo sentimento de compaixão e um desejo de ajudar outras Crianças Feridas. De uma perspectiva espiritual, uma Criança Ferida abre o caminho da aprendizagem do perdão.

O aspecto sombra pode se manifestar como um sentimento permanente de auto-piedade, uma tendência a responsabilizar os nossos pais por nossos defeitos atuais e de resistirmos a mudarmos através do perdão. Ele pode também nos levar a buscar a figura paterna ou materna em todas as situações difíceis, e não a confiarmos em nossa própria desenvoltura.

A CRIANÇA ORFÃ

Desde a Pequena Órfã Annie à Cinderela, a Criança Órfã, conhecida principalmente nas histórias das crianças, reflete as vidas das pessoas que sentem desde o nascimento, como se elas não fossem uma parte da sua família, incluindo a psique da família ou o espírito tribal. Mas porque os órfãos não são permitidos no círculo familiar, eles têm que desenvolver a independência precocemente. A ausência de influências, atitudes e tradições familiares, inspira ou impele a Criança Órfã a construir uma realidade baseada no julgamento e na experiência pessoal.

O aspecto sombra se manifesta quando os Órfãos nunca se recuperam dos sentimentos do abandono, e a cicatriz da rejeição da família reprime o seu amadurecimento, levando-as freqüentemente a buscar estruturas familiares substitutas para experienciarem a união tribal. Os grupos de apoio terapêutico se tornam tribos ou famílias sombra para uma Criança Órfã que sabe em seu âmago que a cura destas feridas requer o avanço para a idade adulta. Por esta razão, estabelecer relacionamentos maduros permanece um desafio.

A CRIANÇA MÁGICA/INOCENTE

A Criança Mágica vê o potencial para a beleza sagrada em todas as coisas e agrega qualidades de sabedoria e coragem diante das circunstâncias difíceis. Um exemplo é Anne Frank, que escreveu em seu diário que apesar de todo o horror que envolvia a sua família, enquanto estava escondida dos Nazistas em um sótão, ela ainda acreditava que a humanidade era basicamente boa. Este arquétipo é também dotado com o poder da imaginação e a crença de que tudo é possível.

A energia sombra da Criança Mágica se manifesta como a ausência da possibilidade de milagres e da transformação do mal em bem. Atitudes de pessimismo e de depressão, particularmente quando explora os sonhos, freqüentemente surgem de uma Criança Mágica prejudicada, cujos sonhos eram o tolo pensamento de “era uma vez” através dos adultos cínicos. A sombra pode também se manifestar como uma crença de que a energia e a ação não são necessárias, permitindo que se retire para a fantasia.

A CRIANÇA DA NATUREZA

Este arquétipo inspira um profundo e íntimo vínculo com as forças naturais, e tem uma particular afinidade pelas amizades com os animais. Embora a Criança da Natureza tenha qualidades emocionais, sensíveis, ela pode ter também uma obstinação e uma habilidade interior para a sobrevivência – o poder de recuperação da própria Natureza. As Crianças da Natureza podem desenvolver habilidades avançadas de comunicação com os animais. Nas histórias que refletem este arquétipo, um animal vem freqüentemente ao resgate de sua criança companheira. Muitos veterinários e ativistas dos direitos dos animais ressoam com este arquétipo porque eles sentiram uma harmonia consciente com os animais desde a infância. Outros adultos descrevem que estão em comunicação com os espíritos da natureza e aprendendo a trabalhar em harmonia com eles, mantendo a ordem da natureza.

O aspecto sombra da Criança da Natureza se manifesta em uma tendência para abusar dos animais, das pessoas e do meio ambiente.

Entretanto, um amor pelos animais não é suficiente para qualificar este arquétipo. Um padrão vitalício de se relacionar com os animais de um modo íntimo e carinhoso, até o ponto que a sua psique e seu espírito precisam destes laços como uma parte crucial de seu bem-estar, é o seu melhor indício.

PUERI/PUELLA ETERNIS (O MENINO/MENINA ETERNO)

Este arquétipo nos leva a permanecer eternamente jovens no corpo, mente e espírito, e a não deixar que a idade nos impeça de curtir a vida. A sombra da Criança Eterna se manifesta freqüentemente como uma inabilidade de crescer e aceitar a vida responsável de um adulto. Como Peter Pan, o Eterno Menino que resiste a terminar um ciclo da vida no qual ele é livre para viver fora dos limites do adulto convencional. A sombra da Criança Eterna pode se manifestar nas mulheres com extrema dependência em relação àqueles que se encarregaram de sua segurança física. Ela não pode aceitar o processo do envelhecimento. Embora poucas pessoas se encantem no término de sua juventude, a Criança Eterna é algumas vezes deixada debatendo-se e sem ancoragem entre os estágios da vida, por não ter preparado um alicerce para um adulto atuante.

A CRIANÇA DEPENDENTE

A Criança Necessitada ou Dependente mantém um opressivo sentimento de que nada é satisfatório, e está sempre procurando substituir algo perdido na infância.- embora exatamente o que nunca é claro. Como com a Criança Ferida, isto leva a surtos de depressão, somente que mais graves. A Criança Dependente tende a ficar focalizada em suas próprias necessidades, freqüentemente incapaz de ver a necessidade dos outros. Como com todos os arquétipos aparentemente negativos, vocês podem aprender a reconhecer o seu aparecimento e usá-lo como um guia para alertá-los quando estiverem em perigo de entrarem em atitudes e comportamento de necessidade e de introspecção.

A CRIANÇA DIVINA

A Criança Divina está intimamente relacionada tanto com a Criança Inocente como com a Criança Mágica, mas é distinguida delas pela sua missão redentora. Ela está associada com a inocência, com a pureza, com a redenção, qualidades divinas que sugerem que a Criança aprecia uma união especial com o Divino. Poucas pessoas estão inclinadas a escolher a Criança Divina como o seu arquétipo dominante de Criança, entretanto, porque elas têm dificuldade em reconhecer isto, elas poderiam viver continuamente na inocência divina. E, entretanto, a divindade é também um ponto de referência de seu espírito interior a que vocês podem se dirigir quando estiverem em um processo consciente de escolha. Vocês também podem supor que algo divino não pode ter um aspecto sombra, mas isto não é realista. A sombra deste arquétipo se manifesta como uma inabilidade de se defender contra forças negativas. Até os deuses míticos e os mestres mais espiritualizados – incluindo Jesus, que é o padrão da Criança Divina para a tradição Cristã – expressou simultaneamente a raiva e a força espiritual ao se confrontar com aqueles que reivindicavam representar o céu enquanto manifestavam a injustiça, a arrogância, ou outras qualidades negativas (pensem na ira de Jesus diante dos mercadores do Templo). Avaliem o seu envolvimento com este arquétipo, perguntando se vocês percebem a vida através dos olhos de um Deus/Deusa benevolente, confiante, ou se vocês tendem a responder inicialmente com medo de ser ferido ou com um desejo de ferir os outros primeiro.

A VÍTIMA

Não se enganem pelo nome deste arquétipo. Quando reconhecida convenientemente, a Vítima pode alertá-los da possibilidade de que vocês estejam prestes a se deixarem ser vitimados, seja através da passividade ou de ações inapropriadas. Pode também ajudá-los, reconhecer a sua própria tendência a vitimar outros para ganho pessoal. Nós precisamos desenvolver esta clareza do insight, entretanto, isto significa aprender a natureza e a intensidade da Vítima interior.

Em sua manifestação sombra, a Vítima lhes diz que sempre há um oportunismo e que nunca é a sua culpa. Nós podemos gostar de desempenhar a Vítima às vezes, por causa da resposta positiva que obtemos na forma de simpatia ou piedade. Nosso objetivo é sempre aprender como reconhecer estas atitudes inapropriadas em nós mesmos e nos outros, e agir adequadamente. Não pretendemos ser vitimados na vida, mas aprender como lidar com os desafios e escaparmos de nossos medos.

Ao estabelecerem contato com a sua própria Vítima interior, perguntem-se:

Eu responsabilizo outros pelas circunstâncias da minha vida?

Eu passo o tempo em depressão ou auto-piedade?

Eu invejo outros que sempre parecem obter o que eles querem da vida?

Eu me sinto vitimado pelos outros quando as situações não transcorrem do modo que eu queria?

Eu tenho a tendência a me sentir mais impotente do que poderoso?

O SABOTADOR

Este pode ser o mais difícil de todos os arquétipos de se compreender, porque o seu nome está associado com traição. Entretanto, o propósito deste arquétipo não é sabotá-los, mas ajudá-los a aprender os muitos modos nos quais vocês se debilitam. Com que freqüência vocês colocam novos planos em movimento, somente para perderem o ânimo e permanecerem do mesmo modo, devido aos medos que debilitam estes planos otimistas? Ou vocês começam um novo relacionamento e então o destroem, porque vocês começam a imaginar um resultado doloroso? Vocês começam um relacionamento ativo com outra pessoa e se encontram novamente em um conflito de poder que poderia ser estabelecido pacificamente – mas vocês caem no mesmo padrão destrutivo porque vocês temem a outra pessoa.

Os medos e os problemas do Sabotador estão todos relacionados com a baixa auto-estima que os leva a fazer escolhas que impedem a sua capacitação e o seu sucesso. Como com a Vítima e a Prostituta, vocês precisam encarar este poderoso arquétipo que todos nós possuímos e torná-lo um aliado. Quando o fizerem, perceberão que ele chama a sua atenção para as situações nas quais vocês estejam em perigo de serem sabotados, ou de se sabotarem. Uma vez que estejam confortáveis com o Sabotador, vocês aprendem a ouvir e a prestarem atenção a estes avisos, preservando-se da tristeza inenarrável de cometer os mesmos erros inúmeras vezes. Ignorem-no, e o Sabotador sombra se manifestará na forma de comportamento autodestrutivo ou com o desejo de enfraquecer outros.

Para aprender como se tornar consciente da ação do Sabotador interior, façam a si mesmos estas perguntas:

Quais os medos que têm mais autoridade sobre mim? Listem três.

O que acontece quando um medo me surpreende? Isto me torna silencioso?

Eu permito que as pessoas falem por mim?

Eu tenho permitido que oportunidades criativas sejam ignoradas?

Quão consciente eu estou no momento em que estou me sabotando?

Eu sou capaz de reconhecer o Sabotador nos outros?

Eu seria capaz de oferecer conselho aos outros sobre como desafiar o Sabotador? Caso afirmativo, qual seria?

A PROSTITUTA

Nenhum de nós pensa gentilmente no termo: “prostituta”, e, entretanto, a partir deste arquétipo nós aprendemos o grande presente de nunca novamente ter que comprometer (expor) o nosso corpo, mente ou espírito. Vocês já podem ter alcançado o ponto no qual a Prostituta se tornou uma parte madura de si mesmos, que os envolve com um forte campo vibracional que diz: “Não está à venda”.

O arquétipo da Prostituta engaja lições na venda ou na negociação da integridade ou do espírito, devido aos medos da sobrevivência física ou para ganho financeiro. Ele ativa os aspectos do inconsciente que estão relacionados com a sedução e o controle, por meio dos quais vocês sejam tão capazes de adquirir um controle sob outra pessoa, vendendo o seu poder. A prostituição deveria ser compreendida como a venda ou a liquidação de seus talentos, idéias e qualquer outra expressão do eu. A aprendizagem essencial da Prostituta se relaciona com a necessidade de criar e refinar a auto-estima e o respeito próprio.

Nós nos prostituímos quando vendemos os nossos corpos ou mentes por dinheiro ou quando comprometemos a nossa moral e a nossa ética para ganho financeiro. Isto pode incluir a permanência em um casamento ou emprego quando colocado em risco o nosso bem-estar por razões de segurança financeira.

Ao identificarem este arquétipo, perguntem-se:

Eu já negociei com pessoas ou organizações em que verdadeiramente eu não confiava?

Eu já permaneci em uma situação que me oferecia proteção financeira por causa de um desejo de segurança financeira?

Eu já coloquei outra pessoa na posição de comprometê-lo, a fim de adquirir poder sobre este indivíduo?

Eu já “comprei” a lealdade, o apoio, ou até o silêncio de outra pessoa, a fim de ter a minha condição?

De outra perspectiva:

Eu já ofereci ajudar outra pessoa que estava enfraquecida pelo seu Arquétipo de Prostituta?

Eu julgo outros porque eles se encontram continuamente se comprometendo?

Eu os considero fracos e a mim mesmo como uma pessoa melhor?

E ainda de outra perspectiva:

Eu já me senti sendo impulsionada para uma circunstância que exigiria de mim a venda da minha ética, mas então me percebi suficientemente forte para dizer “não”?

Uma vez que tenham respondido a estas perguntas, vocês podem continuar, determinando o resto dos 12 arquétipos que compõem o seu grupo pessoal de apoio.


--------------------------------------------------------------------------------

(Do Mundo para vocês: Usando os Arquétipos para Compreender as Mudanças em sua Vida).

Direitos Autorais 2009 Myss.com

Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

quinta-feira, 2 de setembro de 2010



Qual é a felicidade possível? - Leonardo Boff

A felicidade é um dos bens mais ansiados pelo ser humano.


Mas não pode ser comprada nem no mercado, nem bolsa, nem nos bancos. Apesar disso, ao redor dela se criou toda uma indústria que vem sob o nome de auto-ajuda. Com cacos de ciência e de psicologia se procura oferecer uma fórmula infalível para alcançar "a vida que você sempre sonhou". Confrontada, entretanto, com o curso irrefragável das coisas, ela se mostra insustentável e falaciosa. Curiosamente, a maioria dos que buscam a felicidade intui que não pode encontrá-la na ciência pura ou em algum centro tecnológico. Vai a um pai ou mãe de santo ou a um centro espírita ou freqüenta um grupo carismático, consulta um guru ou lê o horóscopo ou estuda o I-Ching da felicidade. Tem consciência de que a produção da felicidade não está na razão analítica e calculatória, mas na razão sensível e na inteligência emocional e cordial. Isso porque a felicidade deve vir de dentro, do coração e da sensibilidade. Para dizer logo, sem outras mediações, não se pode ir direto à felicidade. Quem o faz, é quase sempre infeliz.





A felicidade resulta de algo anterior: da essência do ser humano e de um sentido de justa medida em tudo.A essência do ser humano reside na capacidade de relações. Ele é um nó de relações, uma espécie de rizoma, cujas raízes apontam para todas as direções. Só se realiza quando ativa continuamente sua panrelacionalidade, com o universo, com a natureza, com a sociedade, com as pessoas, com o seu próprio coração e com Deus. Essa relação com o diferente lhe permite a troca, o enriquecimento e a transformação. Deste jogo de relações, nasce a felicidade ou a infelicidade na proporção da qualidade destes relacionamentos. Fora da relação não há felicidade possível.Mas isso não basta. Importa viver um sentido profundo de justa medida no quadro da concreta condição humana. Esta é feita de realizações e de frustrações, de violência e de carinho, de monotonia do cotidiano e de emergências surpreendentes, de saúde, de doença e, por fim, de morte. Ser feliz é encontrar a justa medida em relação a estas polarizações. Dai nasce um equilíbrio criativo: sem ser pessimista demais porque vê as sombras, nem otimista demais porque percebe as luzes. Ser concretamente realista, assumindo criativamente a incompletude da vida humana, tentando, dia a dia, escrever direito por linhas tortas.A felicidade depende desta atitude, especialmente quando nos confrontamos com os limites incontornáveis, como, por exemplo, as frustrações e a morte.





De nada adianta ser revoltado ou resignado, Mas tudo muda se formos criativos: fazer dos limites fontes de energia e de crescimento.



É o que chamamos de resiliência: a arte de tirar vantagens das dificuldades e dos fracassos.



Aqui tem seu lugar um sentido espiritual da vida, sem o qual a felicidade não se sustenta a médio e a longo prazo.



Então aparece que a morte não é inimiga da vida, mas um salto rumo a uma outra ordem mais alta.



Se nos sentimos na palma das mãos de Deus, serenamos.



Morrer é mergulhar na Fonte.



Desta forma, como diz Pedro Demo, um pensador que no Brasil melhor estudou a "Dialética da Felicidade" (em três volumes, pela Vozes):



"Se não dá para trazer o céu para terra, pelo menos podemos aproximar o céu da terra".



Eis a singela e possível felicidade que podemos penosamente conquistar como filhos e filhas de Adão e Eva decaídos.




A ARTE DE SER LUZ


"Somos estrelas de bem-aventurança.

Cada um de nós é um sol.
Pensar nisso é evocar essa luz.
Sentir-se irradiante nesse mundo - tão cheio de pessoas carregando mágoas e expostas a diversos tipos de suscetibilidades energéticas -, é tornar-se rico de possibilidades espirituais.
Ser consciente dessa luz é viver em abundância interna.
A matéria é energia condensada. E a energia é matéria sutilizada.
Logo, tudo é energia em graus variados de densidade.
Por isso, os mestres herméticos da antiguidade diziam que ‘tudo é luz!'
E eles estavam corretos: luz é vida; é movimento; é vibração; é energia.
A energia reflete o que pensamos, sentimos e fazemos uns com os outros.
A qualidade da nossa energia depende da qualidade de nossa manifestação - interna e externa -, na vida.
Quem vibra com o que faz, irradia uma energia que impulsiona aos outros na direção dos mesmos interesses e afinidades.
E o semelhante atrai o semelhante...
Então, quem quer mais luz, que seja luz!"

- Wagner Borges -




Amoroso abç em vossos corações

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

2. O que é a salvação?

1. A salvação é uma promessa, feita por Deus, de que por fim encontrarás teu caminho até Ele. Ela não pode senão ser cumprida. Ela garante que o tempo terá um fim e que todos os pensamentos que nasceram no tempo também findarão. A Palavra de Deus é dada a cada mente que pensa ter pensamentos separados e substituirá esses pensamentos de conflito pelo Pensamento de paz.

2. O Pensamento de paz foi dado ao Filho de Deus no instante em que sua mente pensou em guerra. Antes não havia necessidade de tal Pensamento porque a paz era dada sem opositores e simplesmente existia. Mas, quando a mente se divide, surge uma necessidade de cura. Por esta razão o Pensamento que tem o poder de curar a divisão se tornou uma parte de cada fragmento da mente que ainda era uma só, mas que deixou de reconhecer sua unidade. Naquele momento ela não se conhecia e pensava que sua própria Identidade estava perdida.

3. Salvação é desfazer no sentido de que, deixando de apoiar o mundo, ela não faz nada. Deste modo, ela abandona as ilusões. Por não apoiá-las, ela deixa simplesmente que elas se reduzam a pó suavemente. E, agora, revela-se o que elas escondiam; um altar ao santo Nome de Deus, sobre o qual está escrita a Palavra d'Ele, com as dádivas do teu perdão depositadas diante dele e a lembrança de Deus logo atrás.

4. Vamos entar neste lugar diariamente para passarmos algum tempo juntos. Aqui compartilhamos nosso último sonho. É um sonho no qual não há tristeza, pois ele contém um indício de toda a glória que Deus nos dá. A relva irrompe do solo agora, as árvores começam a brotar e os pássaros vêm viver em seus galhos. A terra renasce com nova perspectiva. A noite acaba e chegamos juntos à luz.

5. Daqui oferecemos a salvação ao mundo, pois é aqui que a salvação foi recebida. A canção de nosso júbilo é o aviso para todo o mundo de que a liberdade voltou, de que o tempo está quase no fim e de que o Filho de Deus só tem de esperar mais um instante até que seu Pai seja lembrado, os sonhos acabem e a eternidade brilhe afastando o mundo para que absolutamente só o Céu exista.



LIÇÃO 231


Pai, eu quero apenas me lembrar de Ti.

1. Pai, o que posso buscar a não ser Teu Amor? Talvez eu pense que busco alguma outra coisa; alguma coisa à qual dei muitos nomes. No entanto, Teu Amor é a única coisa que busco ou já busquei. Pois não há, verdadeiramente, nada mais que eu possa querer encontrar. O que mais eu poderia desejar a não ser a verdade acerca de mim mesmo?

2. Esta é tua vontade, meu irmão. E compartilhar esta verdade comigo e também com Aquele Que é nosso Pai. Lembrar d'Ele é o Céu. É isto que buscamos. E é só isto que nos será dado achar.




Maria

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Sua doença é o seu aliado, não seu inimigo

Este é um artigo publicado no "La Vanguardia em 27/11/2002", é uma entrevista antiga, mas de grande interesse. A Entrevistada é Ghislaine M. Victor Lactot Amela, uma ex-médica e autora de "A Máfia Médica", que desafia o atual sistema de saúde.

" Tenho 61 anos e nasci em Montreal (Canadá). Fui médica e hoje sou Ghislaine Lactot, médica da alma.

Divorciei-me duas vezes, tenho quatro filhos (de 37e 28 anos) e quatro netos. Política? Soberania individual! Acredite em si mesmo: você é divino e se esqueceu.

A medicina moderna promove a doença, não a saúde: a denúncia sobre isso está em meu livro "A Máfia Médica".

Estou gripado, o que você me receita?
- Nada.

Nem um pouco de Frenadol?
- Por quê? Para encobrir os sintomas? Não. Cuide de seus sintomas, ouça-se! E sua alma vai lhe dar a receita.

Mas eu fico na cama ou não?
- Pergunte a si mesmo, e faça o que você sente que lhe convém mais. Acredite em si mesmo!

Mas os vírus não se importam com o que eu acredito!
Oh, agora vejo: você escolhe o papel de vítima. Sua atitude é: "Eu peguei a gripe. Eu sou uma vítima de um vírus. Preciso de remédio"!
- Claro que sim, como todos...

Bem, aí está... Minha atitude seria: "Eu me dei uma gripe de presente. Eu sou o responsável! Devo me cuidar um pouco". E eu gostaria de ir para a cama, repousaria, relaxaria, meditaria um pouco sobre como eu tenho me maltratado ultimamente. ..
- V. se deu uma gripe de presente, você diz?

Sim! Sua doença vem de você, e não de fora. A doença é um presente que você faz para se encontrar consigo mesmo.
- Mas ninguém quer uma doença...

A doença reflete uma desarmonia interna em sua alma. Sua doença é o seu aliado, sinaliza que olhe para sua alma e veja o que acontece com você. Agradeça, pois lhe dá a oportunidade de fazer as pazes com você mesmo!
- Talvez o mais prático fosse um comprimido.. .

Fazer a guerra contra a doença? Isso é o que sugere a medicina de hoje, e as guerras matam, sempre trazem a morte.
- Não me diga agora que a medicina mata...

Um terço das pessoas hospitalizadas o são pelo efeito dos medicamentos! Nos Estados Unidos, 700.000 pessoas morrem anualmente por causa dos efeitos colaterais dos medicamentos e dos tratamentos hospitalares.
- Morreriam do mesmo jeito sem medicação, ora..

Não. Não se mudarmos o foco: a medicina moderna se esqueceu da saúde, é uma medicina da doença e da morte! Não é uma medicina da saúde e da vida.
Medicina da doença? Esclareça!...

Na China antiga, um acupunturista era demitido se o seu paciente ficasse doente. Ou seja, o médico cuidava de sua saúde! Entende? Toda nossa medicina é, portanto, um fracasso total.
- Prefere remédios alternativos, por quê?

Eles respeitam mais o corpo que a medicina industrial, é claro: a homeopatia (será a medicina do século XXI!) Acupuntura, fitoterapia, reflexoterapia, massoterapia. ... a prática da yoga... a meditação... são mais baratos... e bem menos perigosos.
- Mas eles não salvam ninguém do câncer.

Diga isso à medicina convencional! Ela o salvaria de um câncer?
- Pode fazer isso, sim.

O que fará com certeza é lhe envenenar com coquetéis químicos, lhe queimar com radiação, lhe mutilar com extirpações...
E, ainda por cima, a cada dia há mais câncer! Por quê? Porque as pessoas vivem esquecendo sua alma (que é divina): a paz de sua alma será a sua saúde, porque seu corpo é o reflexo material da sua alma. Se você se reencontrar com sua alma, se estiver em paz com ela... não haverá câncer!
- Belas palavras, mas se seu filho tivesse câncer, o que você faria?

Alimentaria sua fé em si mesmo: isso fortalece o sistema imunológico, o que afasta o câncer. O medo é o pior inimigo! O medo compromete a sua autodefesa. Nada de medo, nada de se render ao câncer! Tranqüilidade, convicção, delicadeza, terapias suaves...
- Desculpe-me, mas faz mais sentido ir a um oncologista, um médico especialista.

A medicina convencional só deve ser o último recurso, o extremo mesmo... E se sua alma estiver em paz, você nunca irá precisar dela.
- Bem, tenhamos então a alma em paz... mas, se por acaso encontrarem a vacina.

Não! Elas são produzidas com células de ovário de hamster cancerizadas para multiplicá-las e cultivá-las em um soro de bezerro estabilizado com alumínio (Este da hepatite B, com seu vírus): Você injetaria seus filhos com isso?
- Já tenho feito isso várias vezes...

E eu com os meus: Eu era médica, mas ainda não sabia o que sei agora ... No entanto, hoje meus filhos já não vacinam a seus filhos!
- Acho que vou continuar com as vacinas...

Por quê? A medicina atual mata moscas com um martelo: nem sempre morre a mosca, mas sempre se quebra a mesa de cristal. Há tantos efeitos colaterais.. .
- Por que abominou a medicina?

Tornei-me uma médica para ajudar. Eu me concentrei em Flebologia, as veias varicosas. Cheguei a ter várias clínicas. Mas fui percebendo o poder mafioso na indústria médica, que prejudica nossa saúde, que vive à custa de que estejamos doentes! Denunciei isso... e fui expulsa da faculdade de Medicina.
- Ou seja, você já não pode prescrever remédios...

Melhor! Os medicamentos são fabricados pensando na lógica industrial do máximo benefício econômico, e não pensando em nossa saúde. Pelo contrário: se estamos doentes, a máfia médica continua fazendo dinheiro!
- E a quem interessa a "máfia médica"?

À Organização Mundial de Saúde (OMS), às multinacionais farmacêuticas que a financiam, aos governos obedientes, aos hospitais e médicos (muitos por ignorância).. . O que está por trás disso? O dinheiro!
- Você não escolhe nenhum inimigo pequeno...

Eu sei, porém, se eu tivesse me calado, teria ficado doente e hoje estaria morta.
- Qual foi sua última doença?

Dois dias atrás, heheee... uma diarréia!
- E para refletir o que em sua alma?

Oh, eu não sei, eu não analisei... simplesmente limitei-me a não comer... E já me sinto bem!
- Mas, e se ficar muito mal, hein?
Sei, sei... Se a doença for visitá-lo, acolha-a, abrace-a! Faça as pazes com ela! Não saia correndo como louco para encontrar um médico, um salvador... Seu salvador vive dentro de você. Seu salvador é você. Você tem Deus dentro de você, porque foi criado para ser perfeito como Ele!"


************ ********* ***
Eu creio em tudo o que ela diz, porque
"As mazelas normalmente aparecem para avisar que nosso organismo não está bem, que precisa ser tratato com carinho e urgencia; se não houver um propósito firme de nossa parte, a doença jamais nos abandonará. Cabe a nós, o nosso próprio bem estar; fazer de nossa força espiritual um escudo contra todos os males."
Dora Saunier

A DANÇA COMO CAMINHO DE CONEXÃO INTERIOR

Uma verdadeira viagem se inicia quando o movimento alça vôo em nossos corpos. Porque somos muito mais do que nos ensinaram.

As danças têm suas origens na maravilhosa relação com a Grande Natureza, a Mãe Terra, com o Sol, os Planetas e as Estrelas.
O movimento, em entrega total, estabelece uma conexão com a divindade de nosso Ser.

Aqui tudo é Sagrado, tudo é uno, comum união.



Quando você dança pode sentir a conexão com os diversos elementos, como por exemplo: o vento que alude à transparência do espírito; a água que é pura flexibilidade; você também pode se converter em montanha, porque interiormente somos tão imponentes e fortes como ela. Outras vezes voaremos buscando o fogo e a luz do Sol, ou viajaremos no brilho de uma estrela.

Contam as diversas tradições que os deuses criadores se reuniram, para plasmar cada um a partir de seu dom. Assim uns se dispuseram a trabalhar com os sons e os cantos; outros pintaram o universo de cores; alguns brincaram com as formas e finalmente outro grupo animou com o movimento, para que tudo fluísse em harmonia e beleza.
O homem, dizem, foi criado para gozar de todos os sentidos e lhe outorgaram a qualidade de experimentar a criatividade, que é uma sincronização com os dons dos deuses. Por isso quando dançamos e cantamos recordamos esse pedaço da chispa divina que na verdade somos.



A dança, em primeiro lugar, quebra todas as limitações da mente e permite descobrir o poder de ser.

Em seguida, são removidas as emoções para serem transformadas; vão aparecendo, como camadas, para serem abandonadas espontaneamente.

Conforme se dança a energia flui e os corpos sutis gradualmente fecham antigas feridas. Aparece o bem-estar e a capacidade de desfrutar; geramos endorfinas.
Um dia descobrimos a enorme capacidade de nos comunicar através desta linguagem que transcende idiomas e fronteiras. Aparece a reciprocidade de dar e receber amor. É o poder do coração aberto.

Um pouco mais adiante, a dança não terá formas rígidas e expressará a conexão com o ser total que pode ser experimentado como êxtase. O conjunto de corpos que somos se torna flexível, elástico. Passamos do movimento total à quietude mais extrema, tal e qual são os ritmos da natureza expressas nas estações.

Vamos descobrindo que o corpo se manifesta em formas geométricas enquanto dança, e em um momento a entrega é tal que você se converte em luz, só luz. É maravilhoso você sentir que está aqui e ali, plenamente consciente.



Por isso, especialmente nas tradições nativas o trabalho com as danças, não requer plantas de poder. A dança e o canto são alucinógenos sonoros por excelência, expandem a consciência naturalmente.

Então a dança é geradora de purificação para a alma de quem está trabalhando com ela, quando se utilizam as músicas adequadas.

Você é convidado a experimentar e a contar suas experiências.

Fonte: Rede Cusi Huasi
Tradução para o português: Eleonôra

domingo, 8 de agosto de 2010





Venho hoje a Ti, Senhor,


pedir que estenda Tuas Mãos Divinas sobre todos os pais, abençoando-os.


Abençoa, Senhor, o pai amigo e companheiro,

o pai sempre presente,

que oferece o colo e estende a mão,

mas também o pai ausente, colocando todo teu amor em seu coração.


Abençoa, Senhor,

o pai que hoje recebe o abraço de seus filhos

e o pai que chora a ausência do filho que partiu para teus braços.


Dai a este, o consolo da mansa saudade e enxuga,

com Teu Divino Manto, as lágrimas que vertem de seus olhos.


Estenda, Senhor,

Tuas mãos de amor sobre todos os pais,

concedendo a eles os dons da paciência,

compreensão, tranqüilidade, ternura, justiça, fé na vida e em seus filhos,

e amor, muito amor, para que cada filho seja, para seu pai, um pai,

e para que cada pai seja, para seu filho, um filho.



E aos filhos, cujos Pais estão junto a Ti, dai a Fé e o entendimento de que os pais nunca vão embora; eles apenas mudam de lugar!




Abençoa, Senhor estenda Tuas Mãos Divinas sobre todos os pais!!!



UM AMOROSO ABRAÇO NOS CORAÇÕES DE TODOS PAIS, E QUE ELES SEJAM SEMPRE FELIZES E BEM AVENTURADOS





amorosamente

Maria Elisete

sexta-feira, 23 de julho de 2010

PRÓXIMO CICLO DE LUA CHEIA






INTRODUÇÃO

TRANSCENDENDO O CONTÍNUO TEMPO-ESPAÇO


Como nosso corpo planetário tem mudado em uma vibração de freqüência mais elevada, nós também temos aumentado a velocidade em nossos quocientes de giro molecular. Com tantos de nós agora acelerando como uma harmônica unificada, estamos nos projetando para os campos multidimensionais. Estamos percebendo mais facilmente e experimentando conscientemente realidades paralelas, dimensões irmãs e fusionando linhas de tempo que é essencial para nosso trabalho de serviço planetário.

Com a habilidade de viajar por fora da estrutura do tempo-espaço, podemos nos associar com Gaia e com as mudanças da Terra em curso com uma familiaridade mais profunda para as maiores alterações dimensionais, que estão ocorrendo dentro de todo o revestimento do campo holográfico e antes que alguns destes acontecimentos atualmente ocorram. (Isto se assemelha ao que um curador faz ao focar-se primeiro sobre o corpo energético externo ou etérico de uma pessoa que logo transforma a forma física mais densa).

Trabalhar fora do contínuo linear formado é o fator de influência maior para transformar a consciência de massa, profecia e outros potenciais não desejados em aumento que carregam qualidades destrutivas. Reduzimos o tempo ao experimentar nossa realidade mais perfeita em cada momento. Cada momento no qual reduzimos o tempo, a realidade linear e a mais polarizada ao nosso redor, é alterada. Esta é a razão pela qual é essencial visualizar de forma contínua e irradiar os padrões de perfeição para nós, para cada pessoa, lugar e situação.

Imaginem a realidade atual densa da terra podendo se dissolver sem esforço e a nova realidade simultaneamente podendo emergir, quando milhares de nós operam deste modo. Com nosso enfoque e nossa vida constantemente vivendo a visão da Nova Terra, estamos constantemente reduzindo o tempo ao experimentar as realidades futuras neste ETERNO AGORA.



Fundación Hijos Del Sol

Tradução de Verônica D’amore

terça-feira, 13 de julho de 2010



"São os olhos a lâmpada do corpo. Se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso;
se, porém, os teus olhos forem maus, todo o teu corpo estará em trevas. Portanto, caso a luz que em ti há sejam trevas, que grandes trevas serão!" (Mateus 6:22-23)

O que seus olhos andam vendo?



Cristo quando disse essas palavras queria dizer que muito da nossa forma de ver a vida, analisar as pessoas, de ver a nós mesmos, são derivados do que vemos, absorvemos.


OLHOS


No livro Os fundamentos do Budismo, de Elena Roerich, representante oficial da Ordem Rosacruz no Tibete, encontramos que: ”Carma é a ação de conseqüências do que é feito pelo homem em atos, pensamento e palavra...



Daí, a responsabilidade do homem diante de tudo que existe e, sobretudo, diante de si mesmo...” ”O que chamo de carma não é mais que pensamento, pois, tendo pensado, o homem agiu com seu corpo, sua palavra e sua mente”.


Você, que aceita essa verdade, discipline-se e queira ser feliz.



Reconheça, em si mesmo, que seu comportamento pode ser melhorado e que alguns hábitos negativos de sua personalidade devem ser mudados.


Se sua visão enfraqueceu e você já não consegue ler ou enxergar como antes, ou mesmo se você trouxe essa deficiência desde o nascimento, está na hora de refletir sobre seus pensamentos e atitudes passados.



Consulte o ”arquivo” das emoções e procure aquele sentimento de recusa e inflexibilidade em acreditar que tudo pode mudar.


Provavelmente, algum fato, ou a própria vida o feriu, fazendo com que você prefira não ver tal ou tais coisas ou pessoas que o fizeram sofrer.


Você diz que já esqueceu o problema e que até já perdoou. Entretanto, seu inconsciente não mente e você pode estar sendo Vítima de sua consciência orgulhosa. Há muitas maneiras de ”negarmos” a visão:


— quando estamos em estado de depressão constante;


— quando um fato desagradável em família nos ”cega” de raiva ou ressentimento;


— quando passamos certos momentos, em nossa vida, que não nos agradam, ou teimamos em não ver o outro lado das questões;


— ou, mesmo, quando não queremos mais cruzar com a pessoa ou situação que nos atormentam, etc.


Para exemplificar, vou contar um fato.


Certa ocasião, conversando com uma mulher que havia perdido a visão repentinamente ouvi dela que ficara cega do olho esquerdo por causa do rompimento do nervo óptico — segundo diagnóstico dos médicos. Perguntei-lhe há quanto tempo o fato havia acontecido.



”Há cinco anos”, respondeu-me. Passei, então, a fazer-lhe novas perguntas para que eu, através de suas próprias respostas, pudesse auxiliá-la em sua reabilitação.


Perguntei-lhe se guardava mágoa de alguém ou não queria ver algum homem que lhe fizera tanto mal. Ceticamente respondeu-me que não tinha problemas com homem algum. Resolvi ir mais fundo e direto na questão: perguntei-lhe qual o fato marcante que lhe ocorrera há cinco anos... envolvendo algum homem.


A essa pergunta sua reação foi imediata: deixou vir à tona suas emoções escondidas. Era o que eu buscava. Ressentida, revelou-me que naquela época seu pai havia falecido e que isso fez com que ela sofresse muito.



As cenas descritas e a seqüência de detalhes sobre a morte de seu pai mostraram-me que carregava em seu coração o trauma de sua perda. Disse-lhe, então, que enquanto ela não perdoasse o pai por tê-la deixado e não passasse a aceitar os acontecimentos da vida com compreensão e gratidão, sua vista não voltaria ao normal.


Se o cérebro dessa mulher estiver com o hemisfério cerebral esquerdo mais desenvolvido — cética, analítica, fechada, repetitiva, etc. — com certeza terá de esperar muito tempo até que outras pessoas lhe digam o mesmo, fazendo-a entender o quanto é importante o autoconhecimento para a solução de muitos problemas.



Mas, se seu hemisfério cerebral direito for o mais desenvolvido — amplo, receptivo, aberto, intuitivo, emocional, meditativo, etc. —ela, pelo menos, pensará no assunto e encontrará uma forma de ”conversar” com seu próprio coração e descobrir porque ainda sofre inconscientemente.
É muito fácil para a mente restaurar um nervo óptico!



Difícil é mandar uma mensagem simples e direta para que ela trabalhe objetivamente, pois a mente consciente desconhece que a comunicação com a mente subconsciente deve ser clara e simples.


Todo e qualquer esforço no sentido de exteriorizar a força interior através de rituais, alegorias, frases longas, orações, etc., esbarra na dificuldade da realização total, ou seja, quanto mais complicamos a mensagem que deve ser dirigida à mente subconsciente, menos ela assimilará o objetivo que você deseja.


Ela responde com maior rapidez às frases simples, curtas, objetivas, firmes (positivas) e coerentes com as emoções.


Interiorize-se, concentre-se e mande à sua mente desejos e emoções com absoluta convicção, caso contrário ela preferirá manter como resposta o pedido anterior, ou seja, os sentimentos convictos que você mais freqüentemente manifestou, mesmo que tenham sido negativos.



Para sua mente inconsciente, basta pensar com emoção e crença para que ela se manifeste psicossomaticamente ou através do ambiente em que vivemos.


Portanto, se algo em nossa vida causou-nos sensações fortes de tristeza, medo, ódio, desgosto, etc., o corpo servirá como porta-voz da nossa mente, para nos mostrar que estamos saturando nosso coração, guardando tantos ”lixinhos” do passado ou medos do futuro.






DESEJE VER




Sua mente está fazendo tudo para o seu bem. Ela não distingue o bem e o mal que a consciência conhece. Portanto, ajude o seu inconsciente a compreender o que você quer. Para ela basta ser coerente com o pensamento-emoção e lá estará, trabalhando imediatamente como o ”gênio da lâmpada”, realizando todos os seus desejos.




Queira ver! Deseje ver! Faça amizade com seu ego e elimine a vaidade extrema, o orgulho, o medo, que ”proíbem” o ser humano de ver o que tem de ser visto.




Pare de se incomodar com as coisas feias da vida. Pare de comentar a parte feia do mundo, o que há de errado na política, na família e com os amigos e colegas.



Observe o mundo, veja como ele sobrevive pelas coisas boas e aprenda a conviver com as más, usando-as como experiência e ferramenta para cavar mais fundo a jazida das coisas boas do seu coração.


Não é criticando o lado ruim das pessoas que você fará com que elas mudem. Pelo contrário: é elogiando suas boas intenções e seus pequenos atos corretos que as fará melhorar. Todo ser humano deseja ser elogiado e tende a não aceitar críticas, proibições e não melhora, às vezes, por simples orgulho ferido.


Procure ver além das aparências.



Queira ver o bem que existe em tudo e você sentirá que seu mundo está protegido pelos bons pensamentos que você mesmo emanou no passado.



Tudo aquilo que pensamos torna-se realidade, mais cedo ou mais tarde.



Então pense somente em coisas boas; fale somente palavras de amor; saiba repreender com carinho, veja as razões das outras pessoas e não seja tão ”pequeno” a ponto de achar que ver o outro lado da questão seja perder tempo. Todas as pessoas têm sua verdade, que deve ser respeitada.


Perdoe, seja forte e paciente, porque jamais paramos de aprender. Tudo que, aparentemente, parece ser uma ameaça, no fundo está nos propiciando uma nova forma de lidar com nossas próprias emoções.



É a vida nos dando oportunidade de crescer.


Se seu padrão de pensamentos é único e restrito e você acha que a verdade é somente a sua, reflita e seja sincero consigo mesmo. Procure, pela humildade, ver tudo ao seu redor com o coração de criança.






As mudanças da vida são necessárias para o nosso desenvolvimento interior.



Portanto, queira ver tudo para crescer e ser totalmente feliz.



MIOPIA


Existem vários tipos de miopia, mas, como exemplo geral, citarei apenas um.


Muitas pessoas que sofrem de algum problema de visão só percebem que são portadoras dessa anomalia depois de passarem por situações desagradáveis: como a moça que flerta com o rapaz a certa distância e descobre, depois, que se trata do próprio noivo; ou o homem que vê um poste mais à frente e só nota o engano depois da cabeçada.
A miopia é um defeito de refração de luz.



O olho focaliza melhor as imagens mais próximas, porque o eixo do globo é muito longo. Além de uma certa distância, não consegue distinguir as imagens com a mesma nitidez, porque a capacidade de acomodação do cristalino é limitada.



O míope, quando quer enxergar algo mais afastado, procura forçar o músculo ciliar, na tentativa de reduzir o tamanho do eixo. Esse tipo de miopia chama-se axial e decorre da diferença de tamanho do eixo.


Depois disto a análise psicológica é óbvia e você já deve ter percebido que pessoas míopes não conseguem aceitar fatos e determinados acontecimentos que saiam fora do alcance de sua crença. Normalmente enxergam ”curto” quanto a determinados xíroblemas e nunca reconhecem que são radicais em suas posições.


Discutir um assunto com elas requer tato e muita paciência, ou então aceite suas opiniões ainda que discordando delas.


Os míopes, por não se deixarem envolver por idéias adversas, concentram-se no que sabem fazer e, naturalmente, entendem muito bem do assunto a que se dedicam.


Se você tem problema de miopia, comece a reparar em seu comportamento perante um grupo de amigos e analise, sinceramente, suas atitudes e opiniões.



O fato de parecer que estejam contra você não significa estarem errados. Podem estar tentando fazê-lo ver aquilo que você não está vendo. Tente ser mais flexível de coração, mesmo que pareça um absurdo.



Deixe que o tempo lhe mostrará o quanto você pode aprender com a vida e com a experiência de outras pessoas, desde, é claro, que você relaxe e aceite os acontecimentos novos. Queira ver a vida em toda a sua extensão e saiba que a revolta só prejudica sua saúde e... não altera o mundo.



Ame-se e viva todas as imagens que lhe forem oferecidas com carinho e sinceridade!


Volte a ”enxergar”, vale a pena aprender com tudo e com todos, pois quando estivermos despidos do orgulho nossa paz espiritual resolvera todos os problemas e, corn, certeza, descobriremos novos e grandes amigos.


Desvie de seu caminho as incertezas, os medos e qualquer tipo de sentimento que o afastem de seu objetivo, pois sua visão saudável depende de suas convicções e determinação para com o futuro.



Seja flexível em qualquer situação que o obrigue a tomar decisões. Perceba e acautele-se contra seus pensamentos imediatistas e egocêntricos.


A miopia manifesta-se em pessoas egocêntricas que não se importam com os outros ou não aceitam facilmente, opiniões alheias.



Na verdade são pessoas que possuem uma visão muito estreita do mundo e enxergam somente seus próprios problemas particulares e vêem apenas os aspectos imperfeitos das pessoas e coisas. Miopia é vista curta.



Torne-se uma pessoa mais prestativa, tanto dentro de seu lar quanto fora dele.



Cuide dos seus afazeres, mas pense também em ser útil aos demais que precisarem de sua ajuda.



O importante é aumentar o seu campo de ”visão” da vida, começando a enxergar os problemas de pessoas que sempre estiveram ao seu lado mas que você nunca percebeu.



Solte-se para a vida e veja como você pode crescer ainda mais e abandonar, definitivamente, os óculos sem precisar de cirurgia.





HIPERMETROPIA




Quando o eixo do globo ocular é muito curto, isto é, quando o globo está achatado no sentido ântero-posterior, a captação de imagens próximas é prejudicada. Por isso os hipermétropes não conseguem focalizar objetos muito próximos: isso exigiria um grau de curvatura impossível para o olho com eixo curto.


Pessoas com este tipo de problema têm medo do presente. Poucos percebem este fato porque o presente lhes passa despercebido. Na verdade vivem das sensações do passado, preocupando-se com o futuro.



O indivíduo que não toma decisões rápidas, está sempre vivendo o futuro e não se dá o direito de aproveitar o presente torna-se hipermétrope como reflexo de seu modo de pensar.
Queira ver tudo claramente e sinta com segurança todos os detalhes do seu agora. É insensato comer sem mastigar.



Você deve estimular em sua visão aquilo que representa, inconscientemente, o que está perto, ou seja, o presente. Sinta-se protegido pelas mãos da Natureza e confie em você mesmo, desejando libertar o passado que já se foi e o futuro que ainda está sendo formado com os ”tijolinhos” dos seus pensamentos e conduta. Exercite-se no sentido de caminhar observando tudo que está à sua volta, analisando cada situação com calma e sentindo prazer em acelerar seu ritmo de vida, para perceber a beleza do presente.
A hipermetropia é o reflexo da mente que só consegue ver longe, isto é, de quem vive se preocupando com fatos e coisas referentes aos outros e se descuida de si mesmo.
Descuidando-se de si mesmo a pessoa não percebe o que se passa ao seu redor e, como reflexo disso, pode ter uma anomalia Casual que consiste na dificuldade de ver objetos próximos.
Pessoas com esse problema têm tendência a se incomodar com assuntos alheios e com coisas que não lhe dizem respeito. Portanto, mude sua atitude mental para que possa restabelecer a visão das coisas que estão perto. Inteligentemente, busque o equilíbrio entre cuidar dos outros e cuidar de si próprio. Entendeu?

ASTIGMATISMO


A córnea normal é um segmento perfeito de esfera e comporta-se como uma lente sem defeitos, que desvia todos os raios de luz para um determinado ponto focai.



O astigmatismo é um defeito de visão decorrente da diferença do raio de curvatura entre dois ou mais meridianos.



Em lugar de um ponto focai, existem dois e, por isso, o indivíduo não consegue focalizar, simultaneamente, num mesmo plano, tudo o que vê.



Um astigmático que colhe, por exemplo, um sinal em forma de cruz não poderá focalizar ao mesmo tempo os braços horizontais e os verticais. Poderá fazê-lo só separadamente. Pessoas que possuem este tipo de problema costumam complicar tudo e não facilitam seus pensamentos.



Não conseguem agir sem antes ficarem deduzindo conseqüências dos fatos. Se alguém lhes apresenta uma solução para o problema, logo acharão que não dará certo antes mesmo de uma análise detida. Sempre acreditam que existe outro meio de solução, ou que não existe meio algum, e em sua mente o problema se torna complicado e cansativo.


Você que está com a visão astigmática, lembre-se de confiar mais nas pessoas que gostam de você. Se o problema for grande demais relaxe e peça ajuda sem questionar, pois outras pessoas que têm visão mais ampla da vida podem lhe mostrar que a coisa não é tão complicada assim.


Não sofra por aquilo que você acha ser difícil de resolver, mesmo porque é sua mente que o está deixando confuso.



Queira ver tudo calmamente e esqueça o orgulho. Sugestione-se que a vida é simples e gostosa de se viver e que o mundo é exatamente aquilo que acreditamos que seja!



Portanto, projete-o com harmonia e paciência. Ame-se em primeiro lugar e ”solte” do coração aquilo que o assusta.


O astigmatismo é provocado pela distorção mental de quem se irrita facilmente quando outras pessoas tentam controlar seu caminho ou dirigi-lo em seus pensamentos. Aceite com carinho as coisas que você vê e seja uma pessoa alegre e positiva com aqueles que o cercam. Isso o fará compreender com maior facilidade as intenções do mundo.


Será que você percebeu que é uma pessoa dividida?
Será que você ainda não se tocou que seu sofrimento aparece com mais força quando você precisa decidir entre duas coisas importantes?


Seja mais simples e determinado e pare de complicar!



ESTRABISMO


Muitas crianças nascem estrábicas e seus pais, obviamente, se preocupam em levá-las ao oculista para resolver o problema através de cirurgia ou de correção com lentes próprias.



Mas o fator principal que acarretou esse defeito nos nervos oculares da criança é a desarmonia entre seus pais.



Quando o casal diverge, rigidamente, de opinião, não admite erros do parceiro e vive uma vida de emoções extremas, causa um reflexo psicológico no subconsciente do filho que está para nascer.



Pensamentos cruzados dos pais provocam verdadeira declaração de guerra e isso acaba projetando o estrabismo na criança, como símbolo dos propósitos divergentes dos pais.


A própria criança traz consigo determinadas indecisões que a atormentam.







Normalmente, crianças estrábicas são seres muito sensíveis espiritualmente e tanto podem tornar-se pessoas com inteligência acima do padrão normal ou pessoas revoltadas e propensas a serem revolucionárias.


Muitas destas crianças nascem canhotas e percebem a vida de forma diferente das outras. Por isso os pais devem harmonizarse para que a criança possa canalizar todo seu potencial para um caminho saudável.



Toda dificuldade nos faz crescer e descobrir capacidades que possuímos e não percebemos. Até encontrarmos % porta certa que nos trará a paz, divergimos de nossas próprias emoções.



O que quero dizer é que a criança, no ventre da mãe, percebe inconscientemente os problemas que estão do lado de fora de seu mundo; sente uma certa impotência e revolta, que fazem com que ela ”não queira ver” o que está acontecendo.


O estrabismo tem sua explicação científica ou física, mas a raiz desse problema se forma antes do nascimento como psicossomatização dos conflitos de seus pais Você, que é estrábico, aprenda a ser um mediador dos fatos.



Use a sua mente analítica para compreender as opiniões dos outros e procure sensibilizar-se com os defeitos alheios, perdoando-os.


Volte-se para o mundo de seus pensamentos e observe, com calma, tudo que o aflige. Tenha calma para resolver questões, não se impressione com pessoas aparentemente dominantes.



Ninguém poderá nos prejudicar sem a nossa permissão.



Seja calmo e tranqüilo para solucionar as situações da sua vida.



Somente assim você conseguirá fazer com que seus olhos centralizem-se, pois seu problema é apenas o reflexo dos seus pensamentos contraditórios e atitudes perante a vida.


Os pais atraem o tipo de filho que mais combina com o ambiente em que vivem.



Espiritualmente as pessoas também sofrem o efeito da Lei Universal: ”Os semelhantes se atraem”, portanto, praticamente escolhemos nossos pais e nossos filhos. Isso o ajudará a compreender que você também trouxe a esse mundo um comportamento extremista que combina com o de seus pais e, conseqüentemente, vocês entram em estado de guerra, com facilidade.


Tenha suas próprias opiniões, mas com calma e determinação.


Quanto mais você se aceitar e dirigir sua vida, sem se deixar ferir com as opiniões dos outros, colocando atenção num objetivo ”seu”, mais rápido seus olhos voltarão ao normal. Acredite!



PRESBIOPIA E ARTERIOSCLEROSE
(ver também Eczema na cabeça)


A presbiopia é um defeito que ocorre com o passar do tempo.



É considerada um problema da velhice, pelo enfraquecimento dos olhos que já não conseguem distinguir o que está perto.



A dificuldade para ver, com nitidez, objetos próximos é a manifestação da mente aflita e preocupada com o que o futuro lhe reserva.



No caso de idosos esta dificuldade reflete a preocupação com os anos que lhes restam nesta existência e a dificuldade em viver plenamente o agora.



Eles vivem aflitos tal qual o viajante que, seguindo pela estrada ao entardecer, preocupa-se com o caminho que ainda terá de percorrer.



Se essas pessoas deixarem de temer o futuro e passarem a viver, plenamente, o agora, ficarão curadas da presbiopia.



A presbiopia é, também, reflexo da mente rígida, ou seja, mente teimosa e intransigente, incapaz de acolher as opiniões dos outros.



A mente “endurecida” produz o efeito do ”endurecimento”, a redução da elasticidade e a diminuição da capacidade de acomodação do cristalino.


Velhice é sinônimo de “mente endurecida”.



Portanto, não só a visão sofre com essa atitude mental, mas o corpo todo. A arteriosclerose também é um resultado dessa forma de pensar, pois é conseqüência do endurecimento das artérias que deveriam ser flexíveis.


Você que está sofrendo de presbiopia, lembre-se de viver o agora com mais intensidade e prazer e aprenda que a Natureza nos criou para sermos eternamente jovens. A mente humana, envolvida por acontecimentos desagradáveis, é que se deixa envelhecer, endurecendo seu coração.


Queira ver tudo ao seu redor e não tenha medo do futuro, pois ele será, sempre, o reflexo daquilo que acreditamos.



Pense positivo em todas as questões e sorria mais vezes para o mundo. com certeza você sentirá seu corpo rejuvenescendo e sua visão voltando ao normal.



Ponha em prática agora mesmo isto que você está aprendendo e não tente mudar a vida das outras pessoas. Mude seu comportamento que o efeito sobre as pessoas será bem maior: a felicidade é uma questão de opção.


O desejo, às vezes vaidoso, de usar óculos, para parecer intelectual ou mais importante, aciona qualquer defeito visual para que você tenha, realmente, motivos para usá-los!

DALTONISMO


É próprio de pessoas que têm a mente egoísta e cheia de caprichos.



É a mente que não consegue acolher com imparcialidade “todas as cores”, que não acolhe com imparcialidade todas as pessoas e todas as coisas.


O daltonismo representa a manifestação da mente rebelde que não aceita os conselhos dos mais velhos ou de autoridades e indica uma pessoa que se irrita por coisas fúteis e passa a implicar com os familiares, amigos, etc.


Procure harmonizar-se com tudo e com todos e seja uma pessoa dócil e bondosa com todos.



Isso fará desaparecer a rebeldia infundada de sua mente e o daltonismo desaparecerá totalmente.



Tudo que acontece com nosso corpo é manifestação de nossa conduta mental, portanto, trabalhe positivamente seus hábitos e pensamentos e você verá como são maravilhosas as verdadeiras cores da vida.



Apague esta ilusão negativa e passe a ser mais grato pela vida, sem se prender aos aspectos ruins que, com certeza, são passageiros. Tudo é passageiro! Relaxe!



OLHOS VERMELHOS


Significam ”irritação” com o que você está vendo ao seu redor e que você está convivendo com pessoas que o contrariam e que vivem com padrões de felicidade diferentes dos seus.



Você não é obrigado a conviver com aquilo que seu coração não deseja.



Aprenda a aceitar a solidão, pois o tempo é o nosso melhor amigo.



Tudo que acreditamos acaba se concretizando.



Então confie plenamente em seu futuro e saiba que a felicidade está sempre conosco.



Basta sensibilizar-se e amar tudo que está ao seu redor, sem revoltas.



Entre em sintonia com aquele com quem você convive e procure compreendê-lo.



Cada ser humano tem suas expectativas e suas crenças secretas.



Normalmente as pessoas não percebem que estão irritando alguém, isto porque, para elas, seu próprio comportamento é correto e normal.



Seja paciente com as diferenças e busque conhecer-se melhor, pois dentro de você existe uma fonte inesgotável de energia e paz que precisam ser exteriorizadas.



Seu cansaço justifica sua irritação secreta, mas não justifica que você continue se machucando.



Liberte-se, sem medo, de tudo aquilo que o magoa e aguarde, com alegria, a compensação que a Natureza lhe trará.







TUMEFACÃO E INCHAÇO NA REGIÃO ACIMA DOS OLHOS




Denota descontentamento ou revolta contra alguém que ocupa posição mais elevada.



A parte superior da cabeça — olhos, cabelos e crânio — simboliza os superiores, me-ue, em japonês.


Sentimento de revolta contra pessoas mais velhas: patrão, sogro, sogra, pais, marido, esposa, irmãos mais velhos, ou pessoas que ocupam posição mais elevada, provocam doenças que se manifestam na parte superior da cabeça.



Você já parou para pensar o quanto você ainda depende deles?



Ou o quanto você quer impor-lhes a sua verdade?



Ou o quanto você não aceita a verdade das outras pessoas?



Relaxe e desça da sua teimosia e vaidade, que os seus olhos serão lindos como os olhos de uma criança.



TUMEFAÇÃO E INCHAÇO AO REDOR DOS OLHOS


Se a pessoa apresentar aspecto sombrio e abatido, significa desordens emocionais devido a problemas de relacionamento com alguém, inclusive conjugal.



TUMEFAÇÃO E INCHAÇO NA EXTREMIDADE DO OLHO (RABO DO OLHO)


No homem, a extremidade esquerda representa a esposa e a extremidade direita representa a “outra”.



Pelos estudosi fisiognomônicos, qualquer problema nessa área simboliza desarmonia com a esposa, ou com a “outra”.



TERÇOL


Significa que você está com raiva de uma determinada situação.



Pode ser que você esteja fazendo algo que o contrarie e que pensava não mais precisar fazer.



Evite sentir raiva de alguém, pois as dimensões humanas são diferentes e é por isso que devemos ser mais compreensivos com as idéias opostas às nossas.



Se você não gosta do que está acontecendo, mude seu modo de pensar e compreenda as razões das outras pessoas.



Saiba que você tem seu livre-arbítrio e que ele é o responsável por todas as suas experiências no decorrer de sua vida.



Alegre-se por possuir o direito de mudar e escolher aquilo que o faz feliz.



CONJUNTIVITE


Significa que você está se frustando ou com a vida em geral, ou com um fato em particular.



Tente solucionar essas coisas com paz em seu coração e não com essa raiva embutida.



Lute pelos seus ideais de forma amistosa e paciente, acreditando que no tempo certo, você se realizará.


Pare de olhar o mundo com esse sentimento “amarrado”.









Compreenda que na vida só temos aquilo que acreditamos poder ter e manter.



Você tem liberdade para pensar e reformular sua vida, portanto, aproveite as situações “desagradáveis”, para perceber seus próprios erros e corrigi-los.





LINGUAGEM DO CORPO - CRISTINA CAIRO -
APRENDA A OUVI-LO PARA UMA VIDA SAUDÁVEL

MÃE DIVINA





Minha mãe minha rainha
Foi ela que me entregou
Para mim ser jardineiro
No jardim de belas flores
No jardim de belas flores
Tem tudo que procurar
Tem primor e tem beleza
Tem tudo que Deus me dá
Todo mundo recebe
As flores que vêm de lá
Mas ninguém presta atenção
Ninguém sabe aproveitar
Para zelar este jardim
Precisa muita atenção
Que as flores são muito fina(s)
E não podem cair no chão
O jardim de belas flores
Precisa sempre aguar
Com as prece(s) e os carinhos
Ao nosso pai universal

- Mestre Irineu-






OM - BHUR BHUVA SWAH
TAT SAVITUR VARENAYAM
BHARGO DEVASYA DHIMAHI
DHIYO YO NAH PRACHODAYAT

Em um mundo melhor,
a lei natural é a do amor.
Em uma pessoa melhor,
sua natureza também é amorosa.
O amor é o princípio
que cria e sustenta as relações humanas,
O amor espiritual leva ao silêncio,
e esse silêncio tem o poder de unir,
orientar e liberar as pessoas.
E mais, quando o seu amor é aliado à fé,
cria uma forte estrutura para a iniciativa e a ação.
Lembre-se: o amor é um catalisador para mudanças,
desenvolvimento e conquistas.

Por Brahma Kumaris






Encontre mais músicas como esta em Portal Arco Íris-Núcleo de Integração e Cura Cósmica