Pesquisa

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

O SIGNIFICADO DA PALAVRA SARAVÁ


O SIGNIFICADO DA PALAVRA SARAVÁ

Nós, umbandistas, adotamos o mantra SARAVÁ, pois segundo seu estudografosonométrico (estudo da escrita e do som), encontramos o porquê dautilização desse magnífico cumprimento:

Em priscas eras, os primeiros sacerdotes do AUMBHANDHAN possuíam umapalavra sagrada de reconhecimento – YAÔAVA – entre os adeptos dareligião primeva, e que seria uma maneira de guardar ou velar a mantrasagrado – AUMBHANDHAN – que era profundamente secreto, pois só apronunciavam em certas épocas do ano, em cerimônias especiais.


Nota do autor: O vocábulo ternário UM – BAN – DA, em sua vibraçãointerna e real, significa a própria “LEI MAIOR DIVINA”, regendo oritmo do nonágeno: Fogo, Terra, Ar, Água, Mineral, Vegetal, AnimalEtérico humano e Magnético Telúrico, esse denominado de “Nove caminhosde evolução e vivenciação terrena”, e também do desenvolvimento da“Filosofia, Ciência, Religião e Arte, pela atividade da magia em todosos recantos do Universo”.


A palavra Umbanda é síntese vibratória e divina, como poderá ser constado a seguir. Ela é conhecida desde osVedas e demais escolas iniciáticas do passado, mas foi esquecida naletargia das línguas mortas. Ela deturpou-se na sua divinamusicalidade e perdeu sua intimidade espiritual elevada de um“mantran“ cósmico.

Etimologicamente o vocábulo Umbanda, provém doprefixo “AUM” e do sufixo “BANDHAN”, ambos do sânscrito, cuja raizencontra-se nos livros Upanishads e nos Vedas indianos, há algunsmilênios.


A palavra “AUM” é de alta significação espiritual. É opróprio símbolo sonoro significativo da Trindade do Universo,representando Espírito, Energia e Matéria; Pensamento Original, Amor eAção; ou ainda, Pai, Filho e Espírito Santo.

A palavra “BANDHÔsignifica movimento incessante, força emanada de Deus, incitando noindivíduo, o despertar angelical. Em conseqüência, o prefixo AUM e osufixo BANDHAN, constituíram a palavra AUM-BANDHAN, que pronunciadacomo um mantran, aproxima-se da sonorização OM-BANDAM, que na altaespiritualidade podemos traduzir como “O CONJUNTO DAS LEIS DE DEUS” -“A INCESSANTE EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO”. Portanto, YAÔAVA, era a saudação utilizada em substituição da palavrasagrada AUMBHANDHAN.

YAÔ: simboliza o poder masculino atuante na Natureza.

AVA: simboliza o poder feminino na Natureza. Juntado-se YAÔ com AVA, teremos YAÔAVA como a manifestação de Deus na Natureza. Originariamente, YAÔAVA era EVOÉ, que se pronunciava EVAUÉ.

Essa palavra era composta de quatro letras sagradas, representativas doquaternário cósmico, assim pronunciadas: YOD – HÊ – VAU – HÉ.

Representa também, Deus manifestado em união eterna com a Natureza. YOD (YAÔ) – poder masculino. HÊ – VAU – HÉ (AVA) – poder feminino.

De tudo isso, devido as deturpações sofridas, chegamos ao SARAVÁ, quenão é somente ou simplesmente um “salve irmão”, mas sim o cumprimentoque significa o sentido altamente filosófico, metafísico e oculto dosfenômenos do Universo Manifestado por Deus, e é o véu que oculta osagrado mantra cósmico maior – AUMBHANDHAN.

De forma simples, podemos também dizer que SARAVÁ é um fixador da LuzAstral em movimento, como também um dissipador da Luz Astral emrepouso, pois ele pode fixar ou dissipar vibrações em nosso campoastral, físico e mental.

Assim temos um cumprimento que significa: “QUE OS PODERES DE DEUS PAIE DA MÃE TERRA ESTEJAM COM VOCÊ”. Desta forma, ao emitir este mantra ou saudação, não só estamossaudando as Entidades Espirituais como também estamos pedindo a elasque nos iluminem astral e fisicamente, e que nos limpem das energiasnegativas que estiverem acumuladas em nosso campo astral e espiritual.


Por isso, pela simplicidade e facilidade de entendimento, utilizamos àpalavra SARAVÁ na saudação a todas as entidades. Portanto: SA— (Força, Senhor) —RA— (Reinar, Movimento) —VÁ (Natureza, Energia). Saravá significa então força que movimenta a natureza. Esse termo é,portanto, um mantra que pode fixar ou dissipar determinadas vibrações,não sendo, portanto aconselhável pronunciá-lo sem a devidanecessidade.
Algumas introspecções sobre o SARAVÁ:

• Eleva a consciência, lembrando que todos os seres e toda aexistência são sagrados.
• Revela que a nossa divindade interior respeita a divindade dentro dos outros.
• Extrai o ego por um instante, inspira à reflexão nas realidades maisprofundas, aliviando a relação entre os povos. Seria difícil ofenderou gerar a sensação de animosidade em alguém quando oferecemos oSARAVÁ.
• O SARAVÁ é um gesto de amizade e da bondade, também dosagradecimentos ou do reconhecimento especial.
• O gesto verdadeiro de SARAVÁ é acompanhado de leve curvar da cabeçae dos ombros. Este é um gesto que diminui nosso sentido do ego,exigindo alguma humildade para oferecê-lo. O gesto tem um efeito sutilno sistema da aura.
• SARAVÁ é uma forma de proteger a pureza.
• SARAVÁ um gesto encantador, gracioso e belo.


Trecho extraído do livro: "O ABC do Servido Umbandista - autor: PaiJuruá

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

MÃE DIVINA





Minha mãe minha rainha
Foi ela que me entregou
Para mim ser jardineiro
No jardim de belas flores
No jardim de belas flores
Tem tudo que procurar
Tem primor e tem beleza
Tem tudo que Deus me dá
Todo mundo recebe
As flores que vêm de lá
Mas ninguém presta atenção
Ninguém sabe aproveitar
Para zelar este jardim
Precisa muita atenção
Que as flores são muito fina(s)
E não podem cair no chão
O jardim de belas flores
Precisa sempre aguar
Com as prece(s) e os carinhos
Ao nosso pai universal

- Mestre Irineu-






OM - BHUR BHUVA SWAH
TAT SAVITUR VARENAYAM
BHARGO DEVASYA DHIMAHI
DHIYO YO NAH PRACHODAYAT

Em um mundo melhor,
a lei natural é a do amor.
Em uma pessoa melhor,
sua natureza também é amorosa.
O amor é o princípio
que cria e sustenta as relações humanas,
O amor espiritual leva ao silêncio,
e esse silêncio tem o poder de unir,
orientar e liberar as pessoas.
E mais, quando o seu amor é aliado à fé,
cria uma forte estrutura para a iniciativa e a ação.
Lembre-se: o amor é um catalisador para mudanças,
desenvolvimento e conquistas.

Por Brahma Kumaris






Encontre mais músicas como esta em Portal Arco Íris-Núcleo de Integração e Cura Cósmica