Pesquisa

terça-feira, 21 de junho de 2011

SATHYA SAI BABA FALA ÁS MULHERES



Compartilhamos a entrevista que Sri Sathya Sai Baba deu a umas mulheres russas em Prasanthi Nilayam, no 25 de junho de 2002. Nela, Baba fala da imanência de Deus, a importância de uma alimentação sadia e o controle dos sentidos.

Sai Baba: Qual é o significado de puja?

Mulher: Puja é adoração a Deus.
Sai Baba: Não é correto. Você deve louvar o Deus interior, não o exterior. Não veja Deus como uma imagem, veja a imagem como Deus. Veja Deus em cada coisa.
Você tem perguntas a fazer?

Mulher: Como achar uma resposta à pergunta: "Quem sou eu?"

Sai Baba: Pense desta forma. Nós dizemos: "Este é o meu lenço." Isto significa que eu sou separado do lenço. Nós dizemos: "Este é o meu corpo"  Significa que eu sou diferente do meu corpo. "Esta é a minha mão ¨. "Esta é a  perna". Significa que não sou a mão e nem a perna. Mas quem sou eu? Eu sou a consciência dentro deste corpo. Consciência é cada coisa. Consciência é Deus. Mas hoje em dia gente demais tem consciência do corpo.
    Deus é um, porém tem muitos nomes.Os Cristãos chamam Ele de Jesus, os Muçulmanos chamam Ele de Alá,os Hindus chamam Ele de Rama, Krishna, Govinda. Porém, Deus é somente um. Quando um medico quer fazar um teste do sangue, tira um pouco de sangue do seu dedo. Mas o sangue é o mesmo nas costas, no peito, na perna. Você pode estar usando diferentes tipos de jóias - braceletes, anéis, colares, argolas, mas o ouro é um e o mesmo.Todos vocês aqui têm diferentes nomes e formas., mas todas são mulheres. Da mesma forma, Deus é um, o caminho é um e a meta é uma. Se vocês querem alcançar a meta devem seguir um único caminho. Alguns homens vão com uma mulher, depois vão com outra. Isto não é bom. Deve existir somente um caminho, uma meta.
    Agora na Rússia marido e mulher muitas vezes vivem separados. Eles brigam. O marido não quer tomar conta da família
    O ventre das mulheres tem duas funções físicas. Uma tem a ver com a alimentação e a outra com a procreação. A última acostuma trazer algumas doenças. Um homem vem e dá seu flúido. Outro homem vem e dá seu flúido, e assim sucessivamente. Isto traz diferentes tipos de problemas. As mulheres ademais toman pílulas para não ficar gravidas, o qual também causa doenças. Controlem seus sentidos e não ficarão doentes. 
O que vocês comem?

Mulher: Comemos verduras.
Sai Baba:  Muito bem. As verduras contêm todas as proteínas e vitaminas necessárias. Vegetais e verduras fazem muito bem. A carne não é boa. Faz muito mau. Os animais comem alimentos impuros. Em alguns casos comem corpos mortos. Se vocês comem comida não vegetariana todos estes venenos entram em seus corpos. As mulheres em geral são mais cuidadosas que os homens. Elas comem somente boas comidas. Pelo contrário os homens vão ao restaurante e comem qualquer coisa. Compram diferentes lanches em bazares e na rua. Esta comida não é boa.
    Muitas pessoas hoje em dia têm câncer e tuberculose.  Mas olhem os animais. Eles não têm nem câncer nem tuberculose. Por quê? Por que comem comida natural e crua. O alimento deles não é cozido. Pelo contrário os seres humanos comem alimento não natural e artificial.

Mulher: Podemos comer peixe?
Sai Baba: Peixe não é bom. Hoje em dia a água no oceano é contaminada. Países como o Japão e a China jogam bombas e lixo nuclear no oceano. Portanto o peixe é contaminado e faz mau. Por isso o peixe fica envenenado e faz mau. Não comam peixe. 
É muito importante controlar os cinco sentidos. Este é o melhor sadhana. Meditação e repetição do nome de Deus, não são necessários, se conseguem controlar os órgãos dos sentidos por tão só onze dias. Se controlarem os seus órgãos dos sentidos por tão só onze dias, vocês alcançam Moksha, Mukti, Nirvana, Liberação. 
    Buda também fez tapas e meditação, visitou diferentes mestres e sábios mas no final renunciou a todas estas práticas. Ele compreendeu que os cincos sentidos nos foram dados por Deus e que devemos controlá-los. Ele aprendeu a controlar os seus sentidos e em onze dias alcançou o Nirvana. De repente uma Luz muito brilhante e bela desceu sobre ele do céu. Ananda,  quem estava sentado ao lado de Buda, também viu esta Luz. Ele compreendeu que Buda estava indo embora e começou a chorar. Buda perguntou para ele: “Ananda, por quê está chorando? Não chore, estou indo a Deus. A minha vida é realizada”. Assim Buda se foi para Deus. Logo de algum tempo Ananda também foi inundado de Luz e alcançou o estado de Nirvana. 
    Em primeiro lugar vocês devem controlar a língua, os olhos e os ouvidos.  A língua é a mais importante entre os cinco órgãos dos sentidos.Muitos antigos sábios observavam mauna (período de silêncio). Como resultado, eles estavam num estado de bem-aventurança. Silêncio é ouro. Vocês deveriam falar menos.

Sai Baba (dirigindo se a uma das mulheres): Que sadhana você está fazendo?

Mulher: A cada manhã medito no Seu Nome e na Sua Forma.
Sai Baba: Muito bem. Durante a meditação você deveria visualizar a ponta do nariz,assim (demonstrando). Se mantiver os seus olhos totalmente abertos, a sua atenção ficará facilmente distraída, isto é Rajo guna. Se fechar os seus olhos completamente, você pode acabar dormida, isto é Tamo guna. Portanto tem que manter os seus olhos meios fechados, olhando para a ponta do seu nariz. Então alcançará o Sattva guna. E você deve sempre manter a sua mente aqui (indicando a área entre as sobrancelhas e o terceiro olho), e não lá (indicando o peito). Aqui é o lugar real da mente. Aqui é Deus. 

Mulher: Porquê  que os presságios negativos viram realidade?
Sai Baba: Isto se deve à sua mente. A mente é tudo. Se você pensar que algo mau deveria acontecer, acontece. Se pensar em algo bom, então esse algo bom vai acontecer. 
   Não fale do mau, fale do que é bom. Não escute coisas ruim, escute o que é bom. Não faça o mau faça o que é bom. Não pense mau, pense o que é bom.
    Você é o que pensa. Yad Bhavam Tat Bhavati (Assim como é a sensação, assim será o resultado). Pense que é um homem. Se você  pensar que é um homem, você é um homem. Se pensa que é Deus, você é Deus. 
    O que é a mente? A mente é simplesmente um amontoado de desejos. Os desejos são como uma bagagem nesta viagem da vida. Menos bagagens maior conforto. Portanto reduza o número de desejos um de cada vez. Tome, for exemplo, este lenço. Trata se simplesmente de um pedaço de tecido feito de linhas. Se você tirar uma de cada vez, o tecido desaparecerá. Da mesma forma, se você tirar os seus desejos, a mente desaparecerá. 
    Algumas vezes você tem inveja, ciúme. Estas são a características do macaco. Quando você se sente ciumenta, diga a você mesma, eu não sou um macaco, Eu sou um ser humano. O ciúme irá embora. A ira é uma característica do cachorro. Se está com ira, diga a você mesma, eu não sou um cachorro. Eu sou um ser humano. Assim se libertará da ira.  Inveja,ciúme, e ira, estas são características animais. Você deve se livrar destes rasgos animais e desenvolver características humanas. A luxúria é como espinhos e amor é como uma flor, uma rosa. Você deve colher uma flor sem tocar nos espinhos e oferecê-la a Deus.
    Você deve manter puro o seu coração. Coração puro significa morte pura. Isto é muito importante. O corpo é uma bolha de água, a mente é um macaco louco. Não siga o corpo, não siga a mente. Siga a consciência
    Nunca pense que o trabalho que tem que fazer é seu trabalho. Considere todos os seus trabalhos, as suas ações como uma oferenda a Deus. 
    Pense sempre em Deus. Mira acostumava passar todo o seu tempo no templo de Krishna. Uma vez chegou lá o seu marido enraivecido e começou a gritar para ela:O que está fazendo aqui?! Volte para casa e faça os seus deveres de casa! Ele proibiu que ela fosse ao templo. No começo Mira ficou muito irritada. Porém quando compreendeu que todos os templos são construídos por seres humanos e que o corpo é o único templo construído por Deus mesmo, ela começou a adorar Krishna em seu corpo. (Swami canta a canção de Mira): Ó, mente, vê à confluência do Ganga e Yamuna( dois rios Indianos).  O ponto de confluência de Ganga e Yamuna é aqui, no centro da testa. Aqui é o assento de Deus. E não é um assento qualquer. É o assento da sua coroação.
(A uma senhora que estava chorando): Porquê está chorando?
   
Outra mulher: Ela está chorando por amor.
Sai Baba: O amor é muito simples.

Comecem o dia com amor, Preencham o dia com amor, passem o dia com amor, Terminem o dia com Amor.
    Este é o caminho para Deus.


OM SAI RAM!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

MÃE DIVINA





Minha mãe minha rainha
Foi ela que me entregou
Para mim ser jardineiro
No jardim de belas flores
No jardim de belas flores
Tem tudo que procurar
Tem primor e tem beleza
Tem tudo que Deus me dá
Todo mundo recebe
As flores que vêm de lá
Mas ninguém presta atenção
Ninguém sabe aproveitar
Para zelar este jardim
Precisa muita atenção
Que as flores são muito fina(s)
E não podem cair no chão
O jardim de belas flores
Precisa sempre aguar
Com as prece(s) e os carinhos
Ao nosso pai universal

- Mestre Irineu-






OM - BHUR BHUVA SWAH
TAT SAVITUR VARENAYAM
BHARGO DEVASYA DHIMAHI
DHIYO YO NAH PRACHODAYAT

Em um mundo melhor,
a lei natural é a do amor.
Em uma pessoa melhor,
sua natureza também é amorosa.
O amor é o princípio
que cria e sustenta as relações humanas,
O amor espiritual leva ao silêncio,
e esse silêncio tem o poder de unir,
orientar e liberar as pessoas.
E mais, quando o seu amor é aliado à fé,
cria uma forte estrutura para a iniciativa e a ação.
Lembre-se: o amor é um catalisador para mudanças,
desenvolvimento e conquistas.

Por Brahma Kumaris






Encontre mais músicas como esta em Portal Arco Íris-Núcleo de Integração e Cura Cósmica