Pesquisa

sábado, 14 de maio de 2011

FRASES FAMOSAS E PENSAMENTOS CÉLEBRES DE Sr Sathya Sai Baba




"Não basta ser devoto, é preciso demonstrar devoção.

A Graça do Senhor é como a chuva, água pura, caindo equanimente em toda parte.

Mas seu sabor muda conforme o solo através do qual ela escoa.



Assim também, as palavras do Senhor são doces para alguns e amargas para outros.

Os caminhos de Deus são sempre misteriosos."



"Não desperdicem um simples momento do tempo de vida que lhes foi dado, pois o tempo é o corpo de Deus.

Ele é conhecido como a Personificação do Tempo.

É um crime utilizar mal o tempo ou desperdiçá-lo em ociosidade.

Assim também, os talentos físicos e mentais dados a vocês pelo Senhor como capital para o empreendimento da vida não deveriam ser desperdiçados."



"Numa cerimônia sagrada, melhor que oferecer frutas ou guirlandas de flores é entregar o perfume da sua própria virtude e inocência, lavado nas lágrimas do seu arrependimento!"


"Nunca se rendam a ninguém a menos que sintam uma certeza interior de que estão no caminho certo. Acima de tudo, não falem mal de grandes homens e sábios espirituais. Isso é um sinal flagrante de egoísmo e da impertinência infantil oriundos dessa presunção."



"O Amor Divino dirigido ao Senhor é chamado de devoção e, dentre todos, é o caminho mais fácil para se atingir a meta."


"O apego à natureza tem limites, mas o apego ao Senhor, que vocês desenvolvem quando o olho interior se abre, não tem limites. Desfrutem dessa Realidade, não dessa imagem falsa."



"O ego é mais facilmente destruído pela devoção, meditando-se na magnificência do Senhor e prestando-se serviço aos outros como crianças do Senhor."



"O maior defeito hoje é a ausência de investigação sobre a natureza do Eu Superior. Essa é a causa básica de toda esta falta de paz."


"O maior obstáculo no caminho da entrega é o egoísmo e a idéia de “meu” ou possessividade."


"O primeiro passo na prática espiritual é a adesão ao Dharma (Retidão) em cada ato individual e social. O Dharma que é observado em relação ao mundo objetivo vai automaticamente levar ao Dharma também no campo espiritual; vocês devem apenas manter-se firmes sob quaisquer circunstâncias."



"O Senhor é uma montanha de amor; nenhum número de formigas que carregue suas partículas de doçura poderá esgotar Sua Plenitude. Ele é um oceano de misericórdia, sem uma praia que o limite. A devoção é o caminho mais fácil para ganhar Sua Graça e também para nos apercebermos de que Ele permeia tudo. De fato, Ele é tudo!"





"Os estudantes devem ter uma postura de desafio perante as coisas; eles devem honrar o trabalho físico.

Devem estar desejosos de servir àqueles que necessitam de ajuda devido às suas deficiências físicas.

Respeitem também aos mais velhos e não percam a oportunidade de servi-los, honrando-os e agradando-os.

O que quer que lhes traga saúde e alegria, acolham-no; mas não se rebaixem adotando passatempos vulgares.

Não vaguem sem rumo pelas ruas ou freqüentem cinemas e nem se misturem com companhias indesejáveis ou cultivem maus hábitos apenas por diversão."





"Os seres existem como resultado da vontade d’Ele, de acordo com o Plano d’Ele; assim, ninguém está além de Sua Graça."





"Para trilhar o caminho da devoção, vocês necessitam apenas de amor."





"Para um homem mundano, uma pessoa “intoxicada” por Deus poderá parecer louca e ele rirá dela por isso. Mas para a pessoa intoxicada por Deus, o homem mundano parecerá insano, tolo, perdido e cego."





"Primeiro, fixem-se na consciência de que vocês são a imortal a Centelha Divina Interior, que é indestrutível, sagrada, pura e divina. Isso lhes dará coragem e força inabaláveis. Então, vocês devem desenvolver amor e respeito mútuos. Tolerem todo tipo de pessoa e de opinião, todas as atitudes e peculiaridades."





"Primeiro, quando vocês se sentarem para meditar, recitem alguns versículos sobre a glória de Deus, de modo que os pensamentos que estão espalhados possam ser recolhidos.

Então, gradualmente, enquanto fizerem a repetição do nome, tragam para diante do olho da mente a forma que esse nome representa.

Quando sua mente vagar na recitação do nome, fixe-se à imagem da forma.

Quando ela afastar-se da imagem da forma, conduza-a ao nome. Deixe-a permanecer nesta ou naquela doçura. Tratada assim, a mente poderá facilmente ser domada. A figura imaginária que vocês delinearam se transmutará na imagem emocional, querida ao seu coração e fixa na sua memória; gradualmente, ela se tornará o Sakshathkara chithram - quando o Senhor assumir essa Forma para realizar o seu desejo."





"Procurem os homens santos e os lugares sagrados e permaneçam na companhia de homens devotados. Um ímã atrai apenas ferro; portanto, um estudante atrai para si apenas aqueles que irão ajudá-lo nos estudos; apenas coisas assim lhes darão bem-aventurança e intrepidez."





"Quando a devoção está apenas surgindo como um broto, é preciso haver uma cerca para proteger a planta tenra. Essa cerca é a Eterna Religião Universal (Sanathana Dharma), com suas normas, seus regulamentos e restrições, suas instruções e ordens. Quando a fruta está verde, ela não cai mesmo que o vento seja tempestuoso; mas quando está bem madura, cai ao chão até no silêncio da noite. Um pequeno fogo se apagará e acabará em fumaça só com algumas folhas verdes colocadas sobre ele, mas o fogo na floresta reduzirá a cinzas até mesmo a árvore mais verde que obstrua sua marcha feroz!

O que se faz necessário é a conquista do ego."





"Quando a fé despontar, protejam-na com a cerca da disciplina e do autocontrole, a fim de que esse tenro rebento seja resguardado das cabras e do gado, o rebanho matizado de céticos e incrédulos. Quando a sua fé crescer em uma árvore frondosa, esse mesmo gado poderá deitar-se na sombra que ela espalhará."





"Quando o Senhor não está refletido em seu coração, vocês não podem dizer que o Senhor não existe; isto apenas significa que não há amor em vocês."





"Quando o sol está a pino sobre suas cabeças, não há sombras; da mesma forma, quando a fé estiver estável nas suas cabeças, ela não projetará sombras nem dúvidas."





"Quando vocês realizam uma boa ação, estão fazendo-a para si mesmos; quando fazem algo de mal a alguém, lembrem-se, estão prejudicando a si mesmos; assim, evitem fazer mal aos outros."





"Recebam o insucesso, se ele vier, como um estímulo para novo esforço; analisem porque falharam e aproveitem a experiência."





"Sejam como as mulheres da vila que carregam potes sobre suas cabeças, um em cima do outro, mantendo o equilíbrio mesmo enquanto falam ou andam ao longo das vielas sinuosas. Elas não se esquecem da carga nem ignoram a meta. Estão vigilantes, conscientes das dificuldades do caminho, as pedras e os buracos; a concentração interior é a que paga dividendos."





"Sejam cuidadosos também com sua saúde. Satisfaçam as exigências da natureza; é necessário dar ao carro o combustível de que precisa. Do contrário, sua cabeça pode rodopiar e seus olhos podem ficar embaçados por absoluta exaustão. Como podem os pensamentos no Senhor se estabilizarem numa estrutura fraca?"





"Tal como o vaso de latão, que precisa ser polido para ganhar um brilho bonito, a mente do homem também precisa ser polida através da prática espiritual, isto é, atividades como repetição do Nome de Deus e meditação."





"Tenham fé que a Verdade irá salvá-los no final; aferrem-se firmemente a ela, independentemente do que lhes possa ocorrer, pois se forem verdadeiros, o sentido da culpa não lhes consumirá por dentro nem causará dor.

É a covardia que faz vocês ocultarem a verdade; é a raiva que afia a lâmina da falsidade.

Sejam firmes e não haverá necessidade para uma mentira.

Sejam cheios de amor e não haverá necessidade de subterfúgio.

O hábito mais fácil é o de falar a verdade, a honestidade, pois, se começarem a contar mentiras, terão que lembrar-se quais e quantas inverdades contaram e para quem e estarem sempre alertas para não contradizerem uma mentira com outra!



Amem uma pessoa e não mais precisarão enganá-la com uma mentira; vocês vão sentir que ela merece sempre a verdade e nada mais que a verdade.

O amor evita uma grande quantidade de incômodos."





"Todos os caminhos estão corretos; apenas, alguns são mais fáceis, alguns mais sinuosos, alguns mais difíceis.

O caminho mais simples para percebermos a realidade básica é ver o Senhor em toda criatura, o Senhor divertindo-se em toda essa multiplicidade, como a realidade subjacente a tudo, Aquele que reside em todos os seres."





"Todos têm que partir deste mundo algum dia. Esse momento não deveria ser de angústia; dever-se-ia partir graciosamente, com um sorriso e uma inclinação respeitosa. Para que isso ocorra, é necessário muita preparação. Partir, deixando tudo o que foi acumulado durante toda uma vida, é uma tarefa difícil. Assim, preparem-se para isso descartando, um após o outro, os seus apegos a partir de agora."





"Tratem a todos como sendo sua própria família e mesmo que não possam fazer nenhum bem a eles, desistam de causar-lhes qualquer mal.



Acendam a chama do amor dentro do nicho dos seus corações e então as aves noturnas da ganância e da inveja irão voar para longe, incapazes de suportar a luz.



O amor divino torna-os humildes; faz com que se curvem com reverência quando vêem a grandeza e a glória. Uma pessoa incapaz de se curvar está infectada pelo egoísmo do pior tipo; lembrem-se de que o homem é o único animal capaz de reconhecer e reverenciar o grande e o glorioso.



Usem essa capacidade e tirem dela o melhor proveito."





"Voando aqui e acolá, cada vez mais alto, a ave precisa finalmente pousar numa árvore para descansar.

Assim, também, mesmo os homens mais ricos e poderosos precisam de paz.

A paz só pode ser obtida numa loja: a realidade interior.

Os sentidos irão arrastar vocês para um lodaçal, onde os fará afundar mais e mais numa alternância entre alegria e dor, isto é, num descontentamento prolongado.



Apenas a contemplação da unidade pode remover o medo, a rivalidade, a inveja, a ganância, o desejo - todos os sentimentos que propiciam o descontentamento.



Todas as demais avenidas lhes darão apenas pseudocontentamento. Um dia virá em que vocês jogarão fora todas essas quinquilharias e esses brinquedos e clamarão:

'Senhor!, conceda-me a paz imperturbável.' ”





"Vocês devem realizar a prática espiritual em uma atmosfera de alegria e contentamento."





"Vocês deveriam comer apenas na medida da sua fome, pois o excesso provocará distúrbios.



Assim, prossigam passo a passo na sua disciplina espiritual, certificando-se de um passo antes de dar outro.

Não dêem dois passos para trás enquanto dão um para diante. Porém, até mesmo o primeiro passo será instável se vocês não tiverem fé.

Assim, cultivem a fé."





"Vocês passam da “morte” para a 'vida' e da 'doença' para a 'sanidade' ao experimentarem as bofetadas do mundo."





"Vocês vêem muitas coisas em sonhos e muitas outras são também adquiridas durante os devaneios; poder, fortuna, status, reputação.

Quando acordam, vocês não choram por essas perdas, ainda que durante o sonho tudo fosse muito real e lhes desse verdadeira satisfação e prazer. Isso foi um “sonho”, dizem a si mesmos.

O que os impede de tratar com igual indiferença as posses reunidas durante o estado de vigília de suas vidas?

Cultivem essa atitude e poderão partir com um sorriso, no momento em que as cortinas caírem sobre esse palco da terra dos sonhos."





Sr Sathya Sai Baba


OM SAI RAM!!!












Maria Elisete
Shalom..

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

MÃE DIVINA





Minha mãe minha rainha
Foi ela que me entregou
Para mim ser jardineiro
No jardim de belas flores
No jardim de belas flores
Tem tudo que procurar
Tem primor e tem beleza
Tem tudo que Deus me dá
Todo mundo recebe
As flores que vêm de lá
Mas ninguém presta atenção
Ninguém sabe aproveitar
Para zelar este jardim
Precisa muita atenção
Que as flores são muito fina(s)
E não podem cair no chão
O jardim de belas flores
Precisa sempre aguar
Com as prece(s) e os carinhos
Ao nosso pai universal

- Mestre Irineu-






OM - BHUR BHUVA SWAH
TAT SAVITUR VARENAYAM
BHARGO DEVASYA DHIMAHI
DHIYO YO NAH PRACHODAYAT

Em um mundo melhor,
a lei natural é a do amor.
Em uma pessoa melhor,
sua natureza também é amorosa.
O amor é o princípio
que cria e sustenta as relações humanas,
O amor espiritual leva ao silêncio,
e esse silêncio tem o poder de unir,
orientar e liberar as pessoas.
E mais, quando o seu amor é aliado à fé,
cria uma forte estrutura para a iniciativa e a ação.
Lembre-se: o amor é um catalisador para mudanças,
desenvolvimento e conquistas.

Por Brahma Kumaris






Encontre mais músicas como esta em Portal Arco Íris-Núcleo de Integração e Cura Cósmica